Temer lamenta naufrágios no Pará e na Bahia

Em nota, o presidente expressou a sua solidariedade às famílias e colocou o governo à disposição para ajudar nas buscas e no apoio aos sobreviventes

Brasília - Depois de mais de 24 horas do acidente com uma embarcação no Pará e após o naufrágio, na manhã desta quinta-feira, 24, na Bahia, o presidente Michel Temer emitiu nota e usou as redes sociais para lamentar as duas tragédias.

"A Presidência da República lamenta profundamente a perda trágica de dezenas de vidas em acidentes com embarcações no Pará e na Bahia. O presidente Michel Temer manifesta, neste momento de dor, sua solidariedade às famílias das vítimas e coloca a estrutura do governo federal para ajudar nas buscas e no apoio aos sobreviventes", diz a nota oficial, assinada pela Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República.

"As providências para apurar as causas dos acidentes e punir os responsáveis estão sendo tomadas, em todas as três esferas de governo", completa o texto. No Twitter, o presidente repete as mensagens.

Acidentes

Na madrugada do dia 23, o barco que saiu de Santarém rumo a Vitória do Xingu, no Pará, afundou com mais de 70 pessoas a bordo, deixando pelo menos 21 mortos. Na Bahia, na manhã desta quinta mais de vinte pessoas morreram após uma lancha virar na travessia entre Mar Grande e Salvador.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.