A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Doria confirma a compra de 4 milhões de doses extras da Coronavac para SP

Apesar de dizer que vai adiantar o calendário, o governador não divulgou data. Por enquanto, a meta é aplicar pelo menos a primeira dose até 15 de setembro

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), confirmou, nesta quarta-feira, 7, a compra de um lote extra de 4 milhões de doses da vacina Coronavac, desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac, exclusivamente para o estado. Doria já tinha anunciado a intenção de adquirir 30 milhões de doses, mas ainda faltava a concretização do acordo. O valor não foi relevado.

  • Está na hora de sair do emprego ou vale a pena continuar? Invista na sua carreira. Assine a EXAME.

"O estado de São Paulo comprou um montante extra de 4 milhões de doses diretamente com o laboratório Sinovac. O governo tinha a intenção de adquirir um total de 30 milhões de doses. 2,7 milhões chegam hoje [quarta-feira, dia 7] ao estado. E até o dia 26 e julho chegam mais 1,3 milhão de doses", disse o governador em entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes.

Ainda de acordo com Doria, este montante vem da China pronto e não necessita de processamento por parte do Instituto Butantan. A intenção do governo é acelerar ainda mais a imunização da população. Apesar de dizer que o calendário vai ser adiantado, o governador não informou nenhuma data. Por enquanto, continua a meta de aplicar pelo menos a primeira dose em toda a população adulta acima de 18 anos até o dia 15 de setembro.

Até o momento, o estado já aplicou um total de 27 milhões de doses. Considerando as pessoas que foram imunizadas com as duas doses, ou com a dose única, São Paulo tem 14% da população protegida contra a covid-19.

Butantan antecipa entrega

O Instituto Butantan vai antecipar a entrega de todas as 100 milhões de doses da Coronavac contratadas pelo Ministério da Saúde. A previsão era de concluir as remessas no dia 30 de setembro, e agora todo o envio será feito até 31 de agosto.

O laboratório ligado do governo paulista entregou 53 milhões de doses da vacina. Na próxima semana o Butantan vai entregar um lote com 10 milhões de doses. No dia 14 de julho está prevista a chegada de mais um lote do Ingrediente Farmacêutico Ativo, o chamado IFA, capaz de para produzir 10 milhões de doses.

"Com esse quantitativo vamos até ultrapassar os 100 milhões de doses previstos. Vamos ter uma sobra de vacinas que poderão ser encaminhadas ao Estado de São Paulo e a outros Estados que tenham interesse", disse Dimas Covas, presidente do instituto em entrevista coletiva.

  • Quer saber tudo sobre o ritmo da vacinação contra a covid-19 no Brasil e no Mundo? Assine a EXAME e fique por dentro.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também