Cidade de SP libera abertura de concessionárias de veículos e escritórios

O funcionamento será apenas por 4 horas e com capacidade de 20%. O uso de máscara permanece obrigatório

A cidade de São Paulo vai liberar a reabertura de concessionárias de veículos e escritórios de serviços, como advocacia e contabilidade, a partir desta sexta-feira, 5. Mas o funcionamento só será permitido por quatro horas e seguindo uma série de regras sanitárias.

O prefeito Bruno Covas (PSDB) afirmou, em entrevista coletiva, que vai publicar um decreto com todas as especificações no Diário Oficial desta sexta.

A capital paulista está fase 2 do Plano São Paulo, estratégia do governo estadual que estabelece critérios para flexibilizar a quarentena. O protocolo, que está em vigor desde o dia 1º de junho, vai da fase 1, a mais restrita, até a fase 5, de volta total das atividades.

Na fase 2, está liberado o funcionamento de centros comerciais, shoppings, concessionárias de veículos e escritórios, somente após a autorização da Secretaria Municipal de Saúde. A capacidade também é reduzida a 20%.

Covas disse que recebeu 74 propostas de funcionamento e que 42 delas eram de estabelecimentos que estão na fase 2. “Mas nós já recebemos também outras 32 propostas de setores que estão nas fases 3, 4 e 5”, disse.

Além da capacidade reduzida, os estabelecimentos precisam garantir que haja uma distância de 1,5 metro entre as pessoas, disponibilizar álcool em gel e o horário de entrada e de saída de funcionários não poderá coincidir com os de pico. O uso de máscara permanece obrigatório, tanto para funcionários quanto para clientes.

O prefeito disse ainda que esses protocolos são assinados pela Ordem dos Advogados do Brasil, pelo Conselho Regional de Administração do Estado de São Paulo, e com sindicatos das cidades de direito, sindicatos contabilistas e sindicatos das empresas de serviços contábeis. 

Nesta quinta-feira, 4, a cidade de São Paulo registrou 72.171 casos confirmados e 4.480 óbitos em decorrência do coronavírus. A taxa de ocupação dos leitos de UTI para covid-19 na cidade está em 64%.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.

Você já leu todo conteúdo gratuito deste mês.

Assine e tenha o melhor conteúdo do seu dia, talvez o único que você precise.

Já é assinante? Entre aqui.

Plano mensal Revista Digital

Plano mensal Revista Digital + Impressa

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis

R$ 15,90/mês

R$ 44,90/mês

Plano mensal Revista Digital

Acesse ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

ASSINE

Plano mensal Revista Digital + Impressa

Acesse ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças + Edição impressa quinzenal com frete grátis.

ASSINE