Brasil tem 967 mortes por covid-19 em 24h; total passa de 134 mil

De acordo com o consórcio de imprensa, o país tem um total de 4.421.686 casos confirmados da doença

O Brasil tem 134.174 óbitos e 4.421.686 casos confirmados de covid-19, segundo levantamento dos veículos de imprensa junto às secretarias estaduais de Saúde e divulgado nesta quarta-feira, 16.

O balanço, atualizado às 20 horas, mostra que no período de um dia foram registradas 967 vítimas e 37.387 testes reagentes para o coronavírus.

Os dados são compilados pelo consórcio de imprensa que reúne UOL, Folha de S.Paulo, O Estado de S. Paulo, O Globo, G1 e Extra.

A média móvel, que contabiliza o número de óbitos da última semana, é de 789, uma queda de 8% em relação aos últimos 14 dias.

O estado de São Paulo, o mais atingido pela pandemia, registrou 909.428 casos confirmados da covid-19 e 33.253 mortes pela doença. Entre a terça-feira e a quarta-feira, 16, foram contabilizados 8.157 novos casos, alta de 0,9% em 24 horas, e 290 novos óbitos, aumento também de 0,9%.

OMS: aumento de internações é preocupante

O comando da Organização Mundial de Saúde (OMS) alertou nesta quarta-feira, 16, para uma “tendência preocupante” de aumento nos casos de covid-19 em vários países pelo mundo. Durante sessão de perguntas e respostas, a líder da resposta da OMS à pandemia, Maria Van Kerkhove, afirmou que há um aumento “não apenas nos casos, mas também nas hospitalizações” pela doença.

Kerkhove disse que isso é motivo de preocupação para a OMS, já que ele ocorre por exemplo em alguns países do Hemisfério Norte em que o inverno ainda não começou. Com o inverno e a temporada de gripe sazonal, a situação pode ficar mais complexa, aponta a entidade.

Espera! Tem um presente especial para você.

Uma oferta exclusiva válida apenas nesta Black Friday.

Libere o acesso completo agora mesmo com desconto:

exame digital

R$ 15,90/mês

R$ 6,36/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

R$ 40,41/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.