• AALR3 R$ 20,20 -0.49
  • AAPL34 R$ 66,78 -0.79
  • ABCB4 R$ 16,69 -3.75
  • ABEV3 R$ 13,98 -1.13
  • AERI3 R$ 3,67 -0.81
  • AESB3 R$ 10,70 0.00
  • AGRO3 R$ 30,74 -0.32
  • ALPA4 R$ 20,46 -1.35
  • ALSO3 R$ 18,92 -0.94
  • ALUP11 R$ 26,83 0.86
  • AMAR3 R$ 2,41 -1.23
  • AMBP3 R$ 29,84 -2.29
  • AMER3 R$ 23,45 1.56
  • AMZO34 R$ 66,86 -0.09
  • ANIM3 R$ 5,36 -2.72
  • ARZZ3 R$ 81,01 -0.23
  • ASAI3 R$ 15,95 3.24
  • AZUL4 R$ 20,93 -1.46
  • B3SA3 R$ 12,13 2.71
  • BBAS3 R$ 37,15 4.06
  • AALR3 R$ 20,20 -0.49
  • AAPL34 R$ 66,78 -0.79
  • ABCB4 R$ 16,69 -3.75
  • ABEV3 R$ 13,98 -1.13
  • AERI3 R$ 3,67 -0.81
  • AESB3 R$ 10,70 0.00
  • AGRO3 R$ 30,74 -0.32
  • ALPA4 R$ 20,46 -1.35
  • ALSO3 R$ 18,92 -0.94
  • ALUP11 R$ 26,83 0.86
  • AMAR3 R$ 2,41 -1.23
  • AMBP3 R$ 29,84 -2.29
  • AMER3 R$ 23,45 1.56
  • AMZO34 R$ 66,86 -0.09
  • ANIM3 R$ 5,36 -2.72
  • ARZZ3 R$ 81,01 -0.23
  • ASAI3 R$ 15,95 3.24
  • AZUL4 R$ 20,93 -1.46
  • B3SA3 R$ 12,13 2.71
  • BBAS3 R$ 37,15 4.06
Abra sua conta no BTG

Campanha de Lula em 2002 foi paga por imposto sindical

A afirmação foi feita pelo ex-gerente de Responsabilidade Social da Petrobras, Armando Tripodi. Por lei, essa prática é ilegal.

	O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva
 (.)
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (.)
Por Valéria BretasPublicado em 03/03/2016 11:33 | Última atualização em 03/03/2016 11:33Tempo de Leitura: 1 min de leitura

São Paulo – Em depoimento ao site Memória Petrobras em 2003, o ex-gerente de Responsabilidade Social da estatal, Armando Tripodi, afirmou que o Sindicato dos Químicos e Petroleiros da Bahia usaram seu imposto sindical para bancar a campanha eleitoral de Lula à Presidência em 2002. 

“Pela minha experiência toda, eu me agreguei à coordenação da campanha. Montamos um comitê no sindicato. Aprovamos na assembleia uma contribuição. A categoria aprovou todo imposto sindical da categoria ser destinado à campanha de Lula”, diz a declaração de Tripodi ao portal institucional da Petrobras.

“Com isso a gente obteve um recurso fantástico, montamos uma lojinha, fizemos todo um trabalho de mandar matéria para o interior, alugamos carro”, completa. 

Conforme previsto pela legislação eleitoral, os sindicatos e as entidades de classe são proibidos de fazer doações diretas ou indiretas. 

De acordo com um levantamento feito pelo jornal Folha de S. Paulo, a prestação de contas da campanha de Luiz Inácio Lula da Silva em 2002 não registra nenhum repasse do sindicato.