Brasil

Após encontro com Lula, Datena reafirma neutralidade no segundo turno

Ao site Metrópoles, Datena afirmou que o encontro foi positivo e confidenciou um conselho que deu a Lula: ignorar os ataques feitos pelo presidente Jair Bolsonaro

Os dois se reuniram para jantar na casa do ex-governador Márcio França (PSB), em São Paulo (Isac Nóbrega/PR/Flickr)

Os dois se reuniram para jantar na casa do ex-governador Márcio França (PSB), em São Paulo (Isac Nóbrega/PR/Flickr)

E
Estadão Conteúdo

10 de outubro de 2022, 18h25

Após se encontrar com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no último domingo, 9, o apresentador José Luiz Datena reafirmou sua posição de neutralidade no segundo turno das eleições de 2022.

Os dois se reuniram para jantar na casa do ex-governador Márcio França (PSB), em São Paulo. O encontro foi registrado nas redes sociais dos dois políticos.

Ao site Metrópoles, Datena afirmou que o encontro foi positivo e confidenciou um conselho que deu a Lula: ignorar os ataques feitos pelo presidente Jair Bolsonaro (PL). De acordo com Márcio França, o jornalista afirmou que Lula sairia vitorioso das eleições.

O apresentador de TV, no entanto, já havia declarado sua neutralidade no segundo turno na semana passada, quando se reuniu com Bolsonaro no Palácio da Alvorada.

Fique por dentro de tudo sobre as Eleições 2022 e os resultados das pesquisas eleitorais. Clique aqui e receba gratuitamente a newsletter EXAME Desperta.

"A Band, minha empresa, é neutra. Não posso me posicionar em apoio direto ao presidente. Nem o presidente Bolsonaro, nem o presidente Lula, porque na realidade sou jornalista", afirmou o apresentador após o encontro no Palácio da Alvorada na semana passada.

Datena flerta com a política há algum tempo. Ao longo das últimas eleições, o apresentador já manifestou interesse em concorrer a diferentes cargos políticos. Seu nome costuma aparecer bem posicionado nas pesquisas de intenção de voto, mas ele nunca chegou a concorrer.

Neste ano, o jornalista aparecia em primeiro lugar nos levantamentos feitos para o Senado de São Paulo. Apesar do apoio explícito de Jair Bolsonaro, Datena mais uma vez abriu mão da política para continuar sua carreira na televisão.

LEIA TAMBÉM:

Pesquisa presidente Ipec: Lula tem 55% dos votos válidos, e Bolsonaro, 45%

Petrobras anuncia queda de 5% a clientes no preço dos gás natural para novembro