Safra de milho deve bater recorde de produção

Colheita deve atingir 89,1 milhões de toneladas, 43% a mais em relação ao ciclo anterior, segundo empresa de análise dados
Produção de milho deve bater recorde (Getty Images/Getty Images)
Produção de milho deve bater recorde (Getty Images/Getty Images)
Carla Aranha
Carla AranhaPublicado em 25/07/2022 às 13:56.

A próxima safra de milho deve ser recorde, com uma colheita de 89,1 milhões de toneladas, 43% a mais em relação ao ciclo anterior, segundo projeções da 4intelligence, startup de análise de dados. A produtividade estimada é de 96,4 sacas por hectare, um aumento de 35% em comparação à última safra.

A recuperação da produtividade ocorre após um período difícil, com secas prolongadas no Mato Grosso e excesso de chuvas na região Sul, responde pelas estimativas de uma segunda safra recorde.

Projeções da 4intelligence apontam que a redução do potencial produtivo do milho safrinha deve ser de apenas 5,4% em comparação às primeiras estimativas, realizadas antes do plantio. A análise é resultado do estudo de imagens de satélite, dados meteorológicos e outros indicadores colhidos em 380 munícipios das principais regiões produtoras.

A interpretação de imagens de satélite indica que as lavouras do Paraná devem produzir cerca de 2,8% a mais do que o esperado, apesar das chuvas em abril. A maior parte do plantio ocorreu dentro da janela ideal, atenuando os impactos das intempéries climáticas, de acordo com a empresa de inteligência de dados.

Veja também:

Notícias exclusivas de agro e o que movimenta o mercado

Você já conhece a newsletter semanal EXAME Agro? Você assina e recebe na sua caixa de e-mail as principais notícias sobre o agronegócio, assim como reportagens especiais sobre os desafios do setor e histórias dos empreendedores que fazem a diferença no campo.

Toda sexta-feira, você também tem acesso a notícias exclusivas, o que move o mercado e artigos de especialistas.