Placas-mãe de servidores Dell têm vírus

Empresa fornecerá gratuitamente aos clientes peças para substituir as que estão infectadas
 (EXAME.com)
(EXAME.com)
D
Da RedaçãoPublicado em 23/07/2010 às 10:08.

São Paulo - A Dell fornecerá a seus consumidores gratuitamente peças de servidor para substituir as que estão infectadas por um vírus que visa roubar dados pessoais. A fabricante de PCs afirmou que desconhece de quaisquer ataques resultantes do incidente, e que irá substituir as peças infectadas o mais rápido possível.

Um porta-voz da Dell disse não saber como o vírus W32.Spybot infectou as placas-mãe, que eram peças substitutas e não foram vendidas junto com computadores novos. O incidente evidencia a crescente ameaça dos crackers. Embora usuários experientes sejam cautelosos em relação a arquivos de Internet, poucos se preocupam com a vulnerabilidade do hardware.

A Dell afirmou em seu site oficial que o problema afeta menos de 1 por cento de seus quatro modelos de servidores - PowerEdge R310, R410, R510 e T410. A empresa também disse que consumidores com software antivírus atualizado estão protegidos.

Servidores são usados por clientes corporativos para administrar grandes volumes de dados. Um vírus que ataca um servidor pode causar mais prejuízo que um vírus que afeta um PC.

O W32.Sppybot foi descoberto em 2003 e permite que usuários remotos controlem o computador, afirmou Dean Turner, diretor de pesquisas da fabricante de softwares antivírus Symantec. "O vírus pode fazer várias coisas, dependendo dos comandos que recebe, mas sua função principal é roubar informações confidenciais", disse Turner.

Leia outras notícias sobre segurança