LG Wing, smartphone com tela giratória, deve ser apresentado nesta segunda

Em formato em T, o novo aparelho é a mais recente aposta das fabricantes de smartphones em dispositivos com duas telas
Logotipo da LG: a fabricante sul-coreana terá nova linha de smartphones com formatos inovadores (Omar Marques/SOPA Images/LightRocket/Getty Images)
Logotipo da LG: a fabricante sul-coreana terá nova linha de smartphones com formatos inovadores (Omar Marques/SOPA Images/LightRocket/Getty Images)
F
Filipe SerranoPublicado em 14/09/2020 às 06:00.

A onda dos smartphones com telas duplas e formatos diferentes ganha um novo capítulo nesta segunda-feira, 14. Na manhã de hoje, a fabricante sul-coreana LG realiza um evento de lançamento em que deve apresentar um novo celular com design audacioso e bastante diferente dos modelos tradicionais. O evento começa às 11 horas no horário de Brasília (23h, no horário local de Seul, na Coreia do Sul) e pode ser acompanhado ao vivo em uma transmissão no YouTube.

Chamado de LG Wing, o novo smartphone deverá ter uma tela giratória. Quando virada na horizontal, ela faz com que o celular fique com um formato em “T” – daí o nome Wing (asa, em inglês).

Um segundo display menor surge na parte de baixo do aparelho e permite que a pessoa controle os aplicativos abertos na tela principal. Um vídeo publicado na internet mostra o suposto aparelho em ação.

 

O Wing é o primeiro modelo de smartphone do “Explorer Project" (Projeto Explorador), um programa de pesquisa e desenvolvimento da LG que pretende criar aparelhos com formatos e tecnologias ainda inexplorados na indústria eletrônica.

Segundo a empresa, os dispositivos do Explorer Project farão parte de uma nova categoria de produtos, para se diferenciar da linha tradicional de smartphones da companhia.

O lançamento do Wing ocorre num momento em que diversas fabricantes de smartphones têm apostado em celulares com formatos diferentes. Um dos dispositivos é o Galaxy Z Fold 2, da Samsung, um aparelho com uma tela dupla lançado recentemente. Ele é sucessor do Galaxy Fold, de 2019, um modelo que inaugurou a era dos telefones de tela dupla. Outra empresa que aposta no formato com dois displays é a Motorola, com os modelos Razr, de 2019, e o novo modelo Razr 5G, lançado na semana passada.

A expectativa das empresas é que os novos formatos ajudem a atrair os consumidores ávidos por novas tecnologias num momento de queda nas vendas de dispositivos no mundo.

O global mercado de celulares já enfrentava uma estagnação antes da pandemia e as vendas desabaram durante a crise. No mundo, a retração foi de 11% no primeiro trimestre e de 16% no segundo, entre os meses de abril a junho. Os números são da consultoria IDC. Para 2020, a expectativa é de que as vendas de smartphones sejam 10% menores do que no ano passado, também segundo a IDC.

A aposta da empresas agora é que smartphones como o LG Wing ajudem durante a fase de recuperação nas vendas, especialmente depois que as redes 5G – a nova geração das tecnologia de transmissão de dados móvel – estiverem em operação.