Foto indica que Apple pode copiar Samsung em novo iPhone

Empresa pode colocar recurso do Galaxy S8 em seu novo smartphone

São Paulo -- Uma foto que seria do novo iPhone indica que a Apple pode copiar um recurso do Galaxy S8, o smartphone mais sofisticado da Samsung.

O aparelho pode ter uma tecnologia de reconhecimento facial, que serviria para desbloquear a tela. A foto vazada pelo site Slashleaks indica que o próximo iPhone terá sensores no topo da sua parte frontal, que podem ser câmeras de detecção de rostos.

A Apple comprou uma empresa israelense chamada Realface no começo deste ano, o que reforça a possibilidade de a companhia de Cupertino integrar a tecnologia ao seu produto mais bem-sucedido.

Como lembra o site BGR, a Apple também é dona de uma empresa chamada Faceshift, especializada em captura de movimentos em tempo real. Com isso, sensores como os vistos na foto vazada podem servir também para colocar uma versão digitalizada do seu rosto no seu personagem em um jogo. Este vídeo mostra como isso poderia ser feito.

Ainda que a tecnologia presente no iPhone 8 seja mais avançada, a Samsung lançou o recurso de reconhecimento facial antes da rival--embora esse método de autenticação já tenha relatos de ter sido hackeado, como indica a empresa de segurança Sophos.

Por enquanto, não há informações oficiais sobre os novos iPhones, que devem ser apresentados em setembro.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também