A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Facebook desabilita reprodução de vídeos do YouTube

A rede de Mark Zuckerberg está, aos poucos, desabilitando a reprodução de filmes do Youtube no próprio site

São Paulo - Desde que anunciou o lançamento de novas funcionalidades para os vídeos postados em sua plataforma (relembre aqui), o Facebook trava uma guerra silenciosa com o YouTube.

Agora, tal disputa ganha mais um capítulo. A rede de Mark Zuckerberg está, aos poucos, desabilitando a reprodução de filmes do Youtube no próprio site.

Segundo confirmação do próprio Facebook ao Adnews, a mudança deve chegar a todos os usuários em breve.

O objetivo é claro: dar mais visibilidade a vídeos postados no próprio Facebook.

A notícia afeta qualquer um que dependa do Facebook para divulgar seu trabalho no Youtube.

A fanpage do Porta dos Fundos, por exemplo, poderá ver o número de views de seus vídeos postados no Youtube cair consideravelmente, já que a página do grupo é um chamariz eficaz de audiência.

Para as marcas, a notícia também é importante. Se a sua empresa possui uma estratégia em que o Facebook "ajuda" os vídeos do Youtube a obter views, vale repensar a abordagem. Talvez seja hora de postar vídeos diretamente no Facebook. A mudança também afeta vídeos postados no Vimeo.

Vale lembrar que, segundo a Comscore, o Facebook já bateu o Youtube quando o assunto são vídeos no desktop. A rede social entregou em agosto um bilhão a mais de views que o rival do Google. O número, porém, pode ter sido inflado por causa do auto-play, o sistema que toca vídeos automaticamente para o usuário.

Mesmo assim, o movimento de Zuckerberg deixa claro que o Facebook não pretende ajudar o Youtube agora que os vídeos serão, cada vez mais, utilizados na plataforma.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também