• AALR3 R$ 20,10 -0.35
  • AAPL34 R$ 68,22 1.28
  • ABCB4 R$ 16,68 0.97
  • ABEV3 R$ 14,18 1.00
  • AERI3 R$ 3,77 5.60
  • AESB3 R$ 10,89 0.46
  • AGRO3 R$ 31,64 1.48
  • ALPA4 R$ 22,16 4.09
  • ALSO3 R$ 18,91 -0.47
  • ALUP11 R$ 26,56 -1.88
  • AMAR3 R$ 2,59 1.97
  • AMBP3 R$ 32,49 4.50
  • AMER3 R$ 21,59 -1.37
  • AMZO34 R$ 3,39 3.86
  • ANIM3 R$ 5,61 2.56
  • ARZZ3 R$ 81,18 2.16
  • ASAI3 R$ 16,12 2.54
  • AZUL4 R$ 21,04 4.83
  • B3SA3 R$ 12,37 3.86
  • BBAS3 R$ 37,55 -0.05
  • AALR3 R$ 20,10 -0.35
  • AAPL34 R$ 68,22 1.28
  • ABCB4 R$ 16,68 0.97
  • ABEV3 R$ 14,18 1.00
  • AERI3 R$ 3,77 5.60
  • AESB3 R$ 10,89 0.46
  • AGRO3 R$ 31,64 1.48
  • ALPA4 R$ 22,16 4.09
  • ALSO3 R$ 18,91 -0.47
  • ALUP11 R$ 26,56 -1.88
  • AMAR3 R$ 2,59 1.97
  • AMBP3 R$ 32,49 4.50
  • AMER3 R$ 21,59 -1.37
  • AMZO34 R$ 3,39 3.86
  • ANIM3 R$ 5,61 2.56
  • ARZZ3 R$ 81,18 2.16
  • ASAI3 R$ 16,12 2.54
  • AZUL4 R$ 21,04 4.83
  • B3SA3 R$ 12,37 3.86
  • BBAS3 R$ 37,55 -0.05
Abra sua conta no BTG

Brasil criou mais de uma startup por dia em 2020, diz estudo da Embrapa

Abertura de novos negócios cresceu 40%
 (Exame/Germano Lüders)
(Exame/Germano Lüders)
Por André LopesPublicado em 02/06/2021 09:57 | Última atualização em 02/06/2021 10:07Tempo de Leitura: 2 min de leitura

Entre os efeitos já conhecidos da pandemia na economia global está uma forte e acelerada digitalização dos negócios. E no Brasil não foi diferente. No início da crise de saúde, em 2020, mais de uma startup foi criada por dia no país.

É o que revelam os dados da Radar Agtech Brasil 2020-2021, um estudo realizado pela Embrapa em parceria com a SP Ventures e a Homo Ludens Research and Consulting e com apoio do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Para se ter uma ideia, novos negócios cresceram 40% no ano passado em relação a 2019. Além disso, o levantamento mapeou o nascimento de 1.574 startups especializadas no setor agropecuário, conhecidas como agtechs.

A maior parte desses empreendimentos atua na área de alimentos, gestão de propriedade rural e plataformas de sistemas e soluções de dados. Quase 50% deles está localizado na região Sudeste, seguido pelo Sul, Centro-Oeste, Nordeste e, por fim, Norte, com apenas 1,65%.

O setor de foodtechs, por exemplo, tem grande destaque para o empreendedorismo agropecuário, principalmente na categoria Alimentos inovadores e novas tendências alimentares, que representa quase 20% do total de startups mapeadas, "e tem muito empreendedor criando negócios nessa categoria, mas ainda é um campo difícil de conseguir investimento. O que tem atraído mais investidores são as agrofintechs e categorias de equipamentos, como drones", explica o analista Murilo Vallota da SP Ventures.