Bolsa de Nova York lança índice para cotação do Bitcoin

A NYSE torna-se a primeira grande bolsa do mundo a divulgar a cotação da moeda virtual em tempo real

A Bolsa de Valores de Nova York (NYSE, na sigla em inglês) anunciou nesta terça-feira (19) o lançamento de um índice com a cotação da moeda virtual Bitcoin. Será a primeira vez que uma grande bolsa de valores irá fornecer o preço, em tempo real, da criptomoeda.

O índice, que estará disponível de forma gratuita no site da NYSE por um tempo limitado, foi criado com intenção de funcionar como parâmetro definitivo para a cotação da moeda, que atualmente é feita por diferentes sites.

A cotação será feita em relação com o dólar americano, baseando-se nas transações que acontecem nas casas de câmbio de bitcoin, sites que compram e vendem legalmente a moeda virtual. "Iremos usar nosso nome e reputação como fornecedor global de índices para nos diferenciar das cotações fornecidas pelo resto do mercado", diz o presidente da NYSE, Tom Farley, em um comunicado.

Atualmente, a Bloomberg e o Google possuem ferramentas que comparam o preço do Bitcoin com outras moedas. Mas ainda não existe uma fonte absolutamente confiável a respeito da cotação da moeda. Segundo Farley, o índice da NYSE tem o potencial para criar o "padrão ouro" para valores de Bitcoin, ou seja, uma padronização global da moeda virtual.

Como preparação para entrar no mercado da moeda virtual, a Bolsa de Nova York havia comprado em janeiro uma carteira virtual de Bitcoin: a NYSE pagou 75 milhões de dólares (227 milhões de reais) pela tecnologia.

"Novas tecnologias não nos intimidam. Elas nos animam", diz Farley, que cita o sistema de contabilidade da criptomoeda, chamado de block chain, como o fator mais empolgante a respeito do bitcoin. "Não vamos esperar até que [a moeda] evolua completamente; vamos sentar no banco da frente e ver como ela irá amadurecer", diz o presidente da NYSE.

Fonte: Mashable

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.