Adolescente de 17 anos é preso nos EUA por invasão de contas do Twitter

Além dele, outros dois jovens de 19 e 22 anos são acusados de participar do golpe de bitcoin que levou à invasão da conta até do ex-presidente Obama

Agentes do FBI, do Serviço Secreto e da Receita Federal dos Estados Unidos prenderam na manhã desta sexta-feira um adolescente de 17 anos da Flórida, acusado de ser o líder da invasão de perfis no Twitter no dia 15 de julho. Além dele, também foram detidos o jovem Nima Fazeli, de 22 anos, morador da cidade de Orlando e o britânico Mason Sheppard, de 19 anos. 

O líder do grupo de jovens é acusado de cometer 30 crimes, entre eles, fraude, roubo de identidade e ataque hacker. Já Fazeli, que utiliza o codinome “Rolex”, está sendo acusado de invadir computadores e pode ser condenado a pagar uma multa de 250.000 dólares, além de cumprir uma pena de cinco anos na prisão. O britânico Mason Sheppard — que utilizava o apelido “Chaewon” —,  é acusado de invasão de computadores, lavagem de dinheiro e fraude eletrônica, podendo pegar até 20 anos de prisão e uma multa de 250.000 dólares.

Relembre o caso

No dia 15 de julho, o Twitter foi alvo de um ataque hacker, quando diversas contas verificadas de figuras públicas foram invadidas e utilizadas para divulgar um esquema de bitcoin. Entre as contas atacadas estão o perfil oficial da Apple, a conta do ex-presidente dos Estados Unidos Barack Obama e a do rapper Kanye West.

Considerada a maior falha de segurança da rede social, a invasão durou mais de 2 horas e o Twitter proibiu que os demais perfis verificados conseguissem postar durante esse período, para evitar que as coisas saíssem mais do controle.

Inicialmente, o adolescente de 17 anos, que foi preso em seu próprio apartamento, era o único suspeito. De acordo com o promotor do caso, Andrew Warren, ele será julgado como um adulto. A Justiça ainda está analisando os potenciais prejuízos causados pelo ataque do hacker, além dos 100.000 dólares que o adolescente roubou de usuários do Twitter que foram alvos do esquema.

“O ataque poderia ter levado ao roubo de uma quantidade enorme e maciça de dinheiro das pessoas, poderia ter desestabilizado os mercados financeiros na América e em todo o mundo; como ele tinha acesso às contas de poderosos políticos no Twitter, ele poderia ter prejudicado a política e a diplomacia internacional. Isto não é uma brincadeira … estes são crimes sérios, com sérias consequências”, disse Warren em coletiva de imprensa.

Para poder ser julgado como um adulto, o adolescente passará pelo julgamento no estado da Flórida. Nesta tarde, o Twitter utilizou suas redes sociais para explicar o que causou o grande ataque.

De acordo com a empresa, os invasores ligaram para funcionários do Twitter e se passaram por colegas de trabalho e membros da equipe de segurança virtual da rede social, o que fez com que conseguissem descobrir as informações de login dos alvos com facilidade. A empresa também comentou que os hackers conseguiram acessar as mensagens privadas de 36 usuários, e podem ainda ter baixado informações sigilosos de sete outros indivíduos.

O Twitter reforçou que nenhuma mensagem particular de contas verificadas foi roubada, o que significa que personalidades como Obama, Elon Musk, Kanye West e outras não terão suas privacidades reveladas.

Mais informações sobre o andamento do julgamento do adolescente e a investigação paralela do FBI deverão sair a partir da próxima segunda-feira.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.

Você já leu todo conteúdo gratuito deste mês.

Assine e tenha o melhor conteúdo do seu dia, talvez o único que você precise.

Já é assinante? Entre aqui.

Plano mensal Revista Digital

Plano mensal Revista Digital + Impressa

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis

R$ 15,90/mês

R$ 44,90/mês

Plano mensal Revista Digital

Acesse ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

ASSINE

Plano mensal Revista Digital + Impressa

Acesse ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças + Edição impressa quinzenal com frete grátis.

ASSINE