Cartas & E-mails | A demora da retomada

Confira mensagens que chegaram à redação de EXAME sobre a edição 1195, que trouxe em destaque a demora da retomada da economia brasileira

ECONOMIA BRASILEIRA

Ótima a reportagem de capa sobre a situação atual da economia brasileira (Por que está tão devagar?, 16 de outubro). É normal levar tempo para pôr ordem na casa, que estava muito bagunçada. O país tem um rombo bilionário na economia, teve rebaixamento em importantes notas internacionais de crédito, mantinha taxas de juro altas e ainda tem alto índice de desemprego. O estrago feito pela gestão passada foi grande. O esquema de corrupção no governo saqueou tudo e a todos. Não existe passe de mágica. Vamos conseguir a virada.

José Rosa, Caxias do Sul, RS

Priorizar os investimentos em educação e reduzir a desigualdade pode ser chamado de gastança? Então, prefiro um país que gaste com seu povo. O modelo neoliberal que privilegia apenas uma parcela da população não é sustentável, tampouco nos levará ao desenvolvimento social.

Rodrigo Cruz,

Via Instagram

Excelente a abordagem da reportagem de capa. Mas o que foi chamado de gastança também é conhecido como a corrupção do PT enquanto estava no governo.

Evandro Borges,

Via Instagram

Sou assinante da revista há anos e fiquei surpreso com a reportagem de capa. Ela traz bons exemplos de sucesso, mas rasos em análise. E não há menção acerca das consequências da crise de 2008. 

Alexandre Bittencourt,

Via e-mail


ENERGIA

A Eneva é um exemplo de resiliência diante de crises que atingiram o mundo e em especial o Brasil (Existe vida pós-Eike, 16 de outubro). Ela se manteve firme e forte. Ergueu-se como uma fênix e está demonstrando para que veio.

Tony Freitas,

Via LinkedIn


CIDADES

É bom ver que as cidades estão avançando na economia, como São Caetano do Sul e Campinas (Riqueza atrai riqueza, 16 de outubro). Mas ainda vemos municípios que não dão atenção ao pavimento das vias em bairros afastados. É preciso progredir sem promover desigualdade.

Janayna Belchior,

Via Facebook


ESTADOS UNIDOS

O presidente Donald Trump não vai sofrer um impeachment (Pior para os democratas, 16 de outubro). Os Estados Unidos passam por uma fase de grande prosperidade. Nenhuma pessoa sensata vai desejar interromper um governo excelente.

Joselito Rocha,

Via Facebook

O governo de Donald Trump traz avanços para a economia, mas a desigualdade continua acentuada. O lado social da gestão pública é uma tragédia. Nova York tem hoje 79 000 moradores de rua.

Chryso Rocha,

Via Facebook


SERVIÇOS

É bom ver que as empresas estão procurando novas formas de interagir com os clientes (Do call center para o app, 16 de outubro). Por outro lado, ainda bem que podemos desligar o aparelho quando quisermos ter paz. As empresas precisam usar esse canal de comunicação com moderação para não incomodar o cliente.

Ausenir Genuino,

Via Facebook


ESTILO

O chinelo é um adereço muito despojado e sofisticado na moda atual (Pode trabalhar de chinelo, 16 de outubro). Ele fica bonito até mesmo quando é usado em conjunto com calças.

Diogo Bellini,

Via Facebook


CORREÇÃO

A Coca-Cola usa o aplicativo WhatsApp Business para interagir com clientes, e não o Apple Business Chat (Do call center para o app, 16 de outubro).


Comentários sobre o conteúdo editorial de EXAME, sugestões e críticas a reportagens:
redacao.exame@abril.com.br

Fax (11) 3037-2027, Caixa Postal 11079,  CEP 05422-970, São Paulo, SP

Você já leu todo conteúdo gratuito deste mês.

Assine e tenha o melhor conteúdo do seu dia, talvez o único que você precise.

Já é assinante? Entre aqui.

Deseja assinar e ter acesso ilimitado?

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.