Telexfree entra com pedido de concordata nos Estados Unidos

Pedido foi protocolado em Nevada e objetivo é "reestruturar o negócio", de acordo com o comunicado da empresa
Telexfree: Empresa entrou com pedido de concordata nos Estados Unidos (Reprodução/Telexfree)
Telexfree: Empresa entrou com pedido de concordata nos Estados Unidos (Reprodução/Telexfree)
J
Julia CarvalhoPublicado em 14/04/2014 às 18:04.

São Paulo - Enquanto no Brasil as investigações sobre a Telexfree continuam em curso, nos Estados Unidos, a empresa acaba de entrar com um pedido de concordata na Justiça de Nevada.

O pedido foi feito com base no capítulo 11 da Lei de Falências americana, que permite a reorganização e reestruturação das dívidas enquanto a companhia continua a operar seu negócio. É um jeito de ganhar tempo para conseguir pagar o que deve.

"Nós estamos dando esse grande passo porque continuamos a acreditar firmemente em nosso negócio, em nosso produto e no entusiasmo dos nossos associados vendedores independentes, apesar dos desafios que encaramos. Neste meio tempo, esperamos que nosso negócio continue a operar e nós conseguiremos prover aos nossos vendedores associados e consumidores novos produtos e serviços melhorados, incluindo serviços VoIP, que estamos expandindo para mais de 70 países", diz a nota, divulgada no site internacional da empresa.

Foram apresentados pedidos de concordata em nome das empresas: TelexFree, LLC; TelexFree, Inc.; e TelexFree Financial, Inc.

A nota, assinada por Stuart A. MacMillan, presidente executivo interino da empresa, ainda afirma que "nós esperamos usar o processo do Capítulo 11 para colocar os sistemas e controles no lugar e fornecer a você o suporte que você precisa para fazer crescer seu negócio de vendas".