Oracle anuncia plataforma mais "refinada" e quer atrair PMEs que buscam digitalização

Novos recursos serão adicionados ao NetSuite, dedicado a pequenas e médias empresas; novidades foram anunciadas em evento anual da companhia
Evan Goldberg, fundador da NetSuite: plataforma de gestão para PMEs ganha novos recursos (Oracle/Divulgação)
Evan Goldberg, fundador da NetSuite: plataforma de gestão para PMEs ganha novos recursos (Oracle/Divulgação)
M
Maria Clara Dias

Publicado em 28/09/2022 às 20:20.

Última atualização em 29/09/2022 às 18:07.

*De Las Vegas (Estados Unidos)

De olho no mercado potencial de pequenas e médias empresas (PMEs), que se resume a algo como 90% dos empreendimentos do mundo, a gigante de software e plataforma de gerenciamento corporativo na nuvem Oracle lança nesta quarta-feira (28) novas funcionalidades em seu principal software de gestão empresarial dedicado aos pequenos negócios: o NetSuite.

A Oracle NetSuite, hoje braço da companhia que mira os empreendimentos de pequeno e médio porte, atende a um portfólio de 32.000 clientes pelo mundo. Em suma, empresas menores em busca de soluções mais ágeis e inteligentes para lidar com as burocracias gerenciais comuns ao dia a dia operacional, a começar pela complexidade na gestão da força de trabalho.

Assine a EMPREENDA e receba, gratuitamente, uma série de conteúdos que vão te ajudar a impulsionar o seu negócio.

Para atender a essas e outras dores, a empresa lançou quatro novas funcionalidades em busca de auxiliar empresas que estão desenhando seus primeiros passos testando produtos primários ou já em estágios mais maduros, mas que precisam automatizar alguns processos — uma demanda gritante após a pandemia. Todos os recursos novos serão adicionados ao software já existente.

Quais são as novidades anunciadas para PMES

A empresa lança neste mês quatro novas funcionalidades, agora incorporadas ao seu sistema de gestão na nuvem. São elas:

  • NetSuite CPQ, para precificação automática de produtos, seguindo regras personalizadas por times de vendas;
  • NetSuite Ship Central, ferramenta que ajuda empresa a eliminar processos e custos durante o processos de compra;
  • NetSuite AP Automation, que controla e automatiza a gestão de fluxo de caixa e contas a pagar, especialmente pagamento a fornecedores;
  • SuitePeople Workforce Management, de gerenciamento da força de trabalho, com gestão do controle de ponto, folha de pagamento, cálculos salariais, agendamento de turnos, entre outros.

Todas as funcionalidades foram anunciadas nesta quarta, 28, durante o SuiteWorld, evento organizado pela Oracle em Las Vegas, nos Estados Unidos.

Simplificando o "contas a pagar"

A entrada de serviços bancários no software próprio de gestão empresarial (ERP), algo feito com a AP Automation, também marca o início da parceria da Oracle NetSuite com o HSBC, fornecedor dos recursos, em um modelo de “banking as a service”.

A proposta é automatizar todo o processo, da análise de dados ao processamento e reconciliação — processo manual e moroso de checagem de valores no caixa a partir de movimentações financeiras feitas pela empresa. Além disso, usuários também poderão escolher o melhor método de pagamento aos fornecedores e receber descontos por pagamentos antecipados e feitos com cartões virtuais do banco.

“As contas a pagar desempenham um papel importante em ajudar as organizações a gerenciarem o fluxo de caixa, controlar custos e manterem fortes relacionamentos com fornecedores, mas, muitas vezes, o processo é lento, tedioso e propenso a erros”, disse Evan Goldberg, fundador e vice-presidente executivo da Oracle NetSuite.

Quando as novas funções irão chegar

Por trás dos anúncios está o desejo — e necessidade — dessas pequenas empresas em atender a novas demandas do mercado, como crescimento acelerado de times, a expansão de operações logísticas e de compras.

Em comum, todas as novas ferramentas devem chegar exclusivamente ao mercado americano em um primeiro momento como serviços complementares ao software já oferecido pela empresa. A funcionalidade de gerenciamento de colaboradores, porém, também já está disponível no Canadá, Austrália e Nova Zelândia.

A Oracle pretende levar os lançamentos também ao Brasil, e deve anunciar novidades em breve. “Nosso desafio está em reimaginar  a experiência dos pequenos negócios”, disse Goldberg, fundador da NetSuite, em coletiva de imprensa poucas horas após a abertura oficial do evento. “Os próximos anos serão muito movimentados para NetSuite no mundo e também no Brasil. Estamos empolgados”, diz.

O que é o SuiteWorld

O SuiteWorld é o maior evento organizado pela Oracle, e acontece anualmente com o objetivo de ser o ponto de encontro entre funcionários, clientes, parceiros e outras empresas interessadas em desmistificar o funcionamento do software da companhia —e possivelmente tornar-se usuária.

De olho em maior eficiência, a tônica do evento em 2022 tem sido a de atrair potenciais compradores pelo exemplo — histórias e mais histórias de sucesso de clientes já adeptos à plataforma fazem parte da programação todos os anos.

Para este ano, são esperadas ao menos 6.000 pessoas, além das quase 2.000 que devem acompanhar os painéis transmitidos também pela internet.

* A jornalista viajou a convite da Oracle