Oi retomará programa para quitar dívidas de até R$ 50 mil

Os credores que têm mais de R$ 50 mil a receber da Oi também poderão participar do programa, podendo antecipar o recebimento desse valor

São Paulo - Com o adiamento da assembleia geral de credores de 10 de novembro para 7 de dezembro, a Oi vai retomar seu programa de acordo com credores, encerrado em 19 de outubro, conforme informou o diretor administrativo e financeiro da companhia, Carlos Brandão.

"Isso beneficia os credores participantes do programa ao antecipar parte dos valores", explicou nesta terça-feira, 14, durante teleconferência com investidores e analistas.

O executivo disse que o programa atenderá credores de dívidas de até R$ 50 mil. O pagamento será feito em duas parcelas, sendo a primeira correspondente a 90% desse montante, dentro das condições estabelecidas no programa, enquanto a parcela remanescente de 10% será quitada 10 dias úteis após a homologação do plano de recuperação judicial.

Os credores que têm mais de R$ 50 mil a receber da Oi também poderão participar do programa, explicou Brandão. Nesse caso, entretanto, eles terão direito a antecipar o recebimento de apenas o limite de R$ 50 mil, com pagamento em duas parcelas, conforme as regras descritas acima.

"Até o momento, negociamos crédito total de R$ 196 milhões com mais de 27 mil credores no Brasil", lembrou Brandão.

O executivo disse que a Oi deverá conseguir gerar caixa no último trimestre do ano, embora o resultado seja impactado pelos desembolsos inseridos no programa de credores.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.