Nokia planeja cortar até 200 empregos na Finlândia

No ano passado, a Nokia cortou cerca de 1 mil empregos no país, como parte do programa de corte de despesas após a aquisição da Alcatel-Lucent

Helsinque - A fabricante finlandesa de equipamentos de rede Nokia informou nesta quinta-feira que planeja continuar cortando vagas de emprego na Finlândia, eliminado até 200 posições no país, em um esforço para proteger a lucratividade em meio à retração da demanda no mercado global.

"Para suceder neste ambiente de mercado devemos continuar racionalizando nossa estrutura de custos e aumentando nossa eficiência", disse o gerente da empresa na Finlândia, Tommi Uitto, em comunicado.

No ano passado, a Nokia cortou cerca de 1 mil empregos no país, como parte do programa de corte de despesas que sucedeu a aquisição da rival franco-americana Alcatel-Lucent.

A empresa não divulgou um número global de cortes, mas sindicatos estimam redução total de 10 mil a 15 mil vagas em todo o mundo.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.