Negócios
Acompanhe:

Gazprom e YPF assinam acordo de cooperação na Argentina

O acordo foi assinado pelos presidentes da Gazprom, Alexei Miller, e da YPF, Miguel Galuccio, durante o Fórum Econômico Oriental


	Gazprom: o acordo "é muito importante para o fortalecimento da associação estratégica" entre as corporações
 (Andrey Rudakov/Bloomberg)

Gazprom: o acordo "é muito importante para o fortalecimento da associação estratégica" entre as corporações (Andrey Rudakov/Bloomberg)

D
Da Redação

4 de setembro de 2015, 12h18

Moscou - O consórcio russo Gazprom e a companhia petrolífera argentina YPF assinaram nesta sexta-feira um acordo de cooperação para o desenvolvimento de projetos de exploração e extração de petróleo na Argentina.

O acordo foi assinado pelos presidentes da Gazprom, Alexei Miller, e da YPF, Miguel Galuccio, durante o Fórum Econômico Oriental em Vladivostok, na Rússia, informou a companhia russa em comunicado.

Miller destacou que o acordo "é muito importante para o fortalecimento da associação estratégica" entre as corporações.

"A exploração e a extração conjunta no território da Argentina darão um significativo impulso ao desenvolvimento do setor gasístico e petroleiro da república", acrescentou.

Gazprom e YPF já haviam assinado um memorando de entendimento que permitia ao consórcio estatal russo ter acesso a jazida de Vaca Muerta, a segunda do mundo em gás não convencional.

Nos últimos anos, a Rússia mostrou grande interesse de entrar nas ricas jazidas da Argentina e da Venezuela, países que, em troca, esperam receber investimentos e transferência tecnológica.