CEO da Maserati vê vendas de 16.000 veículos em 2013

Impulso nas vendas virá do lançamento do sedã Quattroporte, de €110.000 e do novo modelo Ghibli, com preço de entrada a partir de €66.000
Harald Wester: "o produto é fundamental neste negócio. Se você oferecer uma alternativa real em um segmento atraente, você pode atrair os clientes" (Bloomberg)
Harald Wester: "o produto é fundamental neste negócio. Se você oferecer uma alternativa real em um segmento atraente, você pode atrair os clientes" (Bloomberg)
D
Da RedaçãoPublicado em 10/09/2013 às 09:08.

Frankfurt - A fabricante de carros de luxo italiana Maserati espera que suas vendas saltem para cerca de 16 mil carros este ano, ante 6.300 no ano passado, disse o presidente-executivo da companhia.

O impulso nas vendas virá do lançamento do sedã Quattroporte, de 110.000 euros (150.000 dólares), e do novo modelo Ghibli, um sedã com preço de entrada a partir de 66.000 euros, afirmou Harald Wester no salão do automóvel de Frankfurt nesta terça-feira.

"O produto é fundamental neste negócio. Se você oferecer uma alternativa real em um segmento atraente, você pode atrair os clientes", disse ele, acrescentando que vê a receita de 2013 subir para pelo menos 1,2 bilhão de euros, a partir de 634 milhões no ano passado.

A Maserati é detida pela italiana Fiat.