Carrefour tem alta em vendas no 1o trimestre

Empresa também anunciou a venda de 49% das acões do Banco Carrefour para o Itaú Unibanco

Paris - O Carrefour, maior varejista da Europa, manteve nesta quinta-feira suas metas para 2011, com forte crescimento das vendas na Ásia e América Latina compensando a fraqueza em mercados europeus e impulsionando as vendas no primeiro trimestre.

O Carrefour disse que ainda espera vendas e lucro operacional maiores neste ano apesar da continuidade do clima econômico difícil na Europa.

As vendas do grupo no primeiro trimestre cresceram 3,9 por cento, para 24,698 bilhões de euros (35,55 bilhões de dólares), em linha com a média das estimativas de 12 analistas obtidas pela Reuters, de 24,67 bilhões de euros.

Também nesta quinta-feira, o Carrefour e o Itaú Unibanco anunciaram acordo para aquisição pelo banco brasileiro de 49 por cento do Banco Carrefour no Brasil por 725 milhões de reais.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.