C&A lança sua coleção mais sustentável até agora - e pelo mesmo preço

São nove peças jeans, disponíveis em 44 lojas entre as 280 lojas da C&A e no site; coleção usa menos água e eliminou químicos nocivos

Do cultivo do algodão à água usada na fábrica e a reciclagem das peças depois do uso. A nova coleção da C&A é a primeira a ser produzida no Brasil que pensa em como cada etapa do processo pode ser mais sustentável. Com nove produtos, a nova linha é intitulada Ciclos e recebeu a certificação Cradle to Cradle, um padrão internacional de produção sustentável e pensada na economia circular. 

A primeira coleção conta principalmente com produtos de jeans. São calças no modelo "mom", shorts cintura alta, saia, calças skinny e jaqueta, que estarão disponíveis em 44 lojas entre as 290 lojas da C&A e no comércio eletrônico. Até janeiro outras oito peças em malharia também serão lançadas. 

Apesar dos custos mais caros, essas peças terão preços semelhantes aos outros produtos da C&A. "As clientes querem consumir produtos mais sustentáveis, mas nem sempre podem pagar. É nosso dever fazer com que esses produtos entrem na nossa estrutura de precificação", diz Francislei Donatti, vice-presidente comercial da C&A.

Diferenças na produção

A jornada de sustentabilidade da C&A começou em 2006. Em 2017, lançou alguns produtos básicos e peças jeans pensadas para serem mais sustentáveis. Cerca de 80% do algodão já é de origem mais benéfica para o meio ambiente, o que significa que pelo menos 55% das peças vendidas pela C&A possuem a matéria-prima com impacto menor - a C&A vendeu 1,3 bilhão de reais nos seis primeiros meses do ano. Algumas peças também foram importadas, feitas com tecnologias desenvolvidas na Europa. 

Agora, a empresa busca trazer essa tecnologia para o Brasil. A companhia passou os últimos dois anos desenvolvendo fornecedores que atendessem os requisitos necessários para essa certificação. Dois fornecedores, de jeans e de malha, foram capacitados para essa linha. "Estamos construindo uma história dentro da sustentabilidade, um tema tão importante para a nossa indústria, que tem uma reputação de ter impacto no meio ambiente", afirmou Paulo Correa, presidente da C&A.

Para a linha Ciclos, os químicos usados não apresentam riscos para o meio ambiente ou para as pessoas e os botões não contêm nenhum metal pesado. Assim, toda água usada na produção e lavagem das peças pode ser retornada à natureza. O algodão usado nos tecidos e fios de costura tem origem mais sustentável, as confecções são fiscalizadas para oferecerem condições de trabalho adequadas e 50% da energia usada na fabricação vem de origens sustentáveis. 

Ao final da vida do produto, todos os tecidos podem ser reciclados. Se na Europa essa linha é certificada para compostagem - ou seja, volta para a natureza em forma de adubo - no Brasil a varejista irá reciclar as peças. A reciclagem será feita pelo Movimento ReCiclo, que disponibiliza caixas em 155 lojas da rede para que consumidores entreguem peças, mesmo de outras marcas, para serem doadas ou recicladas.

O desenvolvimento do novo conceito de comunicação da linha contou com a parceria da Menos 1 Lixo, um dos maiores movimentos de educação ambiental do Brasil, que desenvolveu desde o nome e a identidade visual da iniciativa.

Ainda há um longo caminho até garantir que todas as práticas e passos da produção sejam completamente sustentáveis, diz a varejista. "Trabalhamos para que a sustentabilidade seja cada vez mais uma prática e não uma iniciativa isolada", diz Donatti. 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.