Bradesco planeja abrir mais 1.500 correspondentes bancários

Rede Bradesco Expresso já é quatro vezes maior que a do Banco Postal
Agência do Bradesco: bandeira para prestação de serviços é alternativa ao Banco Postal (DIVULGACAO)
Agência do Bradesco: bandeira para prestação de serviços é alternativa ao Banco Postal (DIVULGACAO)
M
Márcio JuliboniPublicado em 27/04/2011 às 13:24.

São Paulo – O Bradesco planejar abrir mais 1.500 correspondentes bancários da rede Bradesco Expresso. Por meio dessa bandeira, o Bradesco firma parcerias com pequenos comerciantes, que passam a receber o pagamento de contas e outras operações. O banco encerrou 2010 com 26.100 correspondentes.

A rede já é quatro vezes maior que os 6.200 pontos do Banco Postal operados pelo Bradesco desde 2002. Atualmente, o Banco Postal encontra-se no centro de um debate sobre a realização de uma licitação para a renovação do contrato. Desde que ganhou o direito de operá-lo, o Bradesco renovou o contrato automaticamente, sem concorrência pública.

Agora, os Correios, dono do Banco Postal, planeja realizar uma licitação neste ano. Para Domingos Abreu, vice-presidente executivo do Bradesco e diretor de relações com investidores, a expansão do Bradesco Expresso não está vinculada ao caso do Banco Postal. O executivo admite, porém, que a bandeira pode ser uma alternativa para crescer.

“Pode ser um canal alternativo para nos ajudar, mas o foco principal não é esse [suprir a eventual perda do contrato do Banco Postal]”, afirmou Abreu em teleconferência com jornalistas, nesta quarta-feira (27/4).

Fica como está

O executivo defendeu a manutenção do atual modelo de operação do Banco Postal, classificado por ele como “vencedor”. “Entendemos a necessidade de haver uma licitação e o importante é estarmos competitivos”, disse. “Será uma vitória se o modelo for mantido, porque ele é vencedor, ao captar sinergias dos bancos e das agências.”

Abreu não informou em que regiões ou tipos de cidades o Bradesco vai ampliar sua rede própria de correspondentes. Limitou-se a afirmar que, geralmente, a abertura de uma agência bancária convencional é acompanhada pela assinatura de “uma ou duas parcerias” com correspondentes.

Neste ano, o Bradesco planeja abrir 186 agências, a um custo médio de 1,2 milhão de reais por ponto. Somente no primeiro trimestre, o banco inaugurou 23 agências. Os investimentos previstos para essa tarefa são de cerca de 200 milhões de reais neste ano.