As 5 competências essenciais para mulheres líderes

Conheça as dicas para mulheres empreendedoras que estão à frente de equipes diversas e de diferentes tamanhos, segundo diretora da Rede Mulher Empreendedora
Liderança feminina: 5 dicas para empreendedoras (Creatas Images/Thinkstock)
Liderança feminina: 5 dicas para empreendedoras (Creatas Images/Thinkstock)
Por Da RedaçãoPublicado em 16/05/2022 17:54 | Última atualização em 16/05/2022 17:54Tempo de Leitura: 3 min de leitura

Por Célia Kano, da Rede Mulher Empreendedora

Quando o negócio cresce, surge a necessidade de contratar funcionários. E assim aparece o desafio: como gerir uma equipe? Se você, minha amiga, se identifica com esse desafio, saiba que é muito comum entre as mulheres que empreendem.

Segundo pesquisa de 2021 do Instituto Rede Mulher Empreendedora, 50% das mulheres entrevistadas empreendiam nas áreas de alimentação, vestuário, beleza, saúde e bem estar. Produtos como doces e refeições, revenda de roupa e produtos de beleza e serviços de cabeleireira e esteticista são muito comuns.

Geralmente, mulheres que se dedicam ao “fazer” desses produtos e serviços, ou seja, elas mesmas cozinham, fazem a compra das roupas no atacado ou se profissionalizam como profissional da beleza e atendem por elas mesmas as clientes.

É comum que muitas mulheres decidam empreender porque amam o “fazer”, mas quando a demanda cresce, as empreendedoras se veem obrigadas a deixar a execução das atividades que tanto amam para delegar. Por isso, dicas práticas sobre liderança de equipes:

1- Liste suas atividades e entenda o que é delegável

Avalie as atividades rotineiras operacionais que podem ser repassadas para um funcionário. Foque em manter com você as atividades mais analíticas e as tomadas de decisão estratégicas do negócio.

2- Autoconhecimento

Você não é e não deve ser a mulher-maravilha-faz-tudo. Saiba o que você faz bem e quais competências seus funcionários, fornecedores e parceiros podem te complementar.

3- Entenda que seus funcionários não farão exatamente como você faria

Talvez eles façam muito melhor que você. Delegue, acompanhe, corrija os desvios e incentive que os seus funcionários sejam proativos e proponham melhorias nas atividades.

4- Evite o microgerenciamento

A desconfiança em pessoas gera a necessidade de acompanhar tarefa por tarefa. Com o tempo, isso pode reduzir a motivação da sua equipe porque elas perceberão sua desconfiança nelas e reduzirá a autonomia delas. Corte esse ciclo vicioso. Delegue, estabeleça metas e acompanhe os resultados.

5- Desenvolva novos líderes

Se os seus funcionários adquirem conhecimento do negócio, motivação e postura proativa na resolução de problemas, no futuro você poderá ter líderes que lideram outras pessoas no seu lugar dentro do seu negócio. Isso reduzirá ainda mais seu esforço nas atividades operacionais e você terá mais tempo para expandir seu negócio.

Acreditamos na Rede Mulher Empreendedora que quando uma mulher empreende, a comunidade ao seu redor cresce com ela. Isso porque acreditamos que as mulheres são mais colaborativas. Aprenda a delegar e gerir equipes colaborativamente. Chame toda sua equipe, compartilhe seus desafios e crie soluções em equipe.

Tem alguma dúvida sobre liderar equipes ou sugestão de tema para esta coluna, mande email para celia@rme.net.br e vou adorar abordar no próximo texto. Um beijo, Célia.