5 dicas de como faturar alto na internet

O especialista Wendell Carvalho aponta caminhos para quem quer prosperar e atingir a liberdade financeira com um negócio digital

No Brasil, há 134 milhões de pessoas que acessam a internet, segundo dados da Pesquisa TIC Domicílios 2019, um levantamento realizado pelo Centro Regional para o Desenvolvimento de Estudos sobre a Sociedade da Informação (Cetic). Ou seja, 74% de toda a população brasileira — três em cada quatro pessoas — está na rede mundial de computadores.

Desse total, 90% relatam acessar a internet todos os dias. São usuários de diferentes rendas, gêneros, raças e regiões que estão ali consumindo conteúdo. E, por que não, o seu conteúdo? Segundo o treinador comportamental Wendell Carvalho, com a estratégia e as ferramentas certas, qualquer pessoa hoje pode prosperar com conteúdo na internet. Ele mesmo iniciou seu negócio voltado para conteúdo há 11 anos, com exatos 1.415 reais no bolso.

O primeiro passo é identificar suas aptidões e as habilidades em que tem mais desenvoltura. “Isso vai ajudá-lo a escolher a melhor forma para compartilhar conteúdo, por texto, vídeo ou áudio”, explica Wendell.

Ele relata que é importante criar uma “persona” com a qual você se comunique com seu público-alvo. Pois, sabendo com quem está “conversando”, você consegue ser mais assertivo na comunicação.

Entretanto, vale lembrar que é possível aprimorar competências, como escrita, comunicação e postura nos vídeos, ao longo do tempo, por meio de vários recursos, como estudo, mentoria, coaching, treinamentos e livros.

Também é importante escolher temas que o deixem mais confortável e aos quais seu conhecimento pode agregar informações. Essa é a base para a produção de conteúdo. “Se você fez um curso sobre pães com fermentação natural, por exemplo, entende do assunto e sabe de processos que outras pessoas desconhecem, isso já é um diferencial e o ajudará a se destacar na produção de conteúdo focado nesse nicho de mercado”, exemplifica Wendell.

É importante criar uma “persona” com a qual você se comunique com seu público-alvo, assim é possível ser mais assertivo na comunicação É importante criar uma “persona” com a qual você se comunique com seu público-alvo, assim é possível ser mais assertivo na comunicação

É importante criar uma “persona” com a qual você se comunique com seu público-alvo, assim é possível ser mais assertivo na comunicação (Divulgação/Divulgação)

Caso seu interesse seja criar uma plataforma de conteúdo digital, confira abaixo a lista de dicas do especialista:

1) Demanda

Depois de achar o tema de seu conteúdo, é preciso checar se há demanda para o que planeja produzir. “É fundamental realizar uma boa pesquisa de mercado antes de começar seu negócio para ter uma percepção de público e checar se há outros concorrentes diretos”, orienta Wendell.

Nessa hora, pesquisas no Google podem ajudar a analisar concorrentes, avaliar estratégias de vendas já utilizadas, pesquisar bons fornecedores com preços competitivos e que convertam em diferencial para seu negócio em relação à concorrência. “Além disso, essa ferramenta permite estudar seu público-alvo, analisar potenciais clientes e desenvolver um plano de ação e uma estratégia com foco nos interesses desse público.”

 2) Reputação

O especialista afirma que conteúdos rasos já existem aos montes na internet, portanto, é preciso construir autoridade e boa reputação em temas que você domina. Também é importante buscar sempre se diferenciar do que já é oferecido atualmente.

“Fuja de fórmulas prontas. As pessoas podem até se interessar pelo assunto, mas só vão pagar pelo conteúdo se perceberem que quem está do outro lado da tela oferece um material confiável e de qualidade”, diz Wendell.

Para isso, é necessário trabalhar sempre fora da zona de conforto, de modo a estimular a criatividade e não estacionar no mesmo formato de conteúdo. “É preciso ter muito claro a importância de trabalhar para se diferenciar e se consolidar como referência naquela área.”

3) Fornecedores

Quem deseja trabalhar com conteúdo digital deve buscar fornecedores e parceiros que o ajudem a impulsionar o negócio na internet.

“Profissionais que entendem de e-commerce, marketing digital e comunicação podem colaborar para o crescimento de seu negócio com a expertise que cada um deles oferece.”

4) Investimento inicial

Wendell acredita que não é preciso ter muito dinheiro para tirar o plano do papel. Ele mesmo é um exemplo disso, pois começou seu negócio com muito pouco. Mas ressalta que a conquista de uma vida em abundância requer empenho, e o primeiro passo é saber como definir metas.

“Foi por meio dessa organização que consegui alcançar o que planejei no longo prazo”, conta o especialista. “Ninguém alcança uma vida próspera sem ter objetivos claros e planos bem traçados. Isso é como um guia para fazer o que precisa e deseja em sua vida.”

 5) Ferramentas gratuitas

O treinador comportamental elenca três ferramentas que podem auxiliar bastante quem deseja começar a atuar com conteúdo digital ou até mesmo quem já trabalha com isso. E, o melhor, todas têm versões gratuitas disponíveis.

O Evernote é uma ferramenta que auxilia na organização das informações pessoais. Nele, você pode escrever e armazenar notas de diversos assuntos em vários formatos, como texto, áudio e foto. Há versões para os diversos sistemas operacionais, para smartphones e web.

Já o Canva é uma plataforma de design gráfico que ajuda a criar conteúdo gráfico e visual. “É bem simples e prático de usar, até mesmo para quem não domina o Photoshop”, diz Wendell.

E, por fim, o ZeroPaper, um gerenciador financeiro empresarial que auxilia na organização do fluxo de caixa da empresa de forma digitalizada. “A ferramenta classifica os gastos, cria histórico de orçamento e facilita na tomada de decisões imediatas ou futuras que envolvam a parte financeira”, indica o especialista.

Wendell ressalta que, além de lançar mão dessas ferramentas, é importante fazer uma análise Swot (“forças, oportunidades, fraquezas e ameaças”, na tradução para o português) do negócio. Isso ajudará a identificar fatores internos e externos, favoráveis ou não, para alcançar os objetivos traçados.

Quer aprender o passo a passo de como superar o medo, a desconfiança e atingir a liberdade financeira? Nos dias 24, 25 e 26 de agosto, Wendell Carvalho realizará o evento Construindo Liberdades, com três aulas online gratuitas ao vivo pela internet sobre prosperidade e geração de riqueza.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?

Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?

Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis

Já é assinante? Entre aqui.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.