Um quarto dos jovens americanos acha que o Holocausto é um mito

A pesquisa sobre o conhecimento dos americanos acerca do Holocausto é da organização judia Claims Conference, que entrevistou jovens entre 18 e 39 anos

Uma nova pesquisa mostra que parte significativa dos jovens nos Estados Unidos nega o Holocausto, tragédia que matou mais de 6 milhões de judeus na Europa antes e durante a Segunda Guerra Mundial.

Um em cada dez americanos acredita que o Holocausto não aconteceu. Quase um em cada quatro (23%) acredita que a tragédia é um mito ou que o número de judeus mortos foi superestimado.

Ao todo, 12% dos entrevistados disseram ainda que nunca ouviram falar da palavra Holocausto.

A pesquisa é da Claims Conference, uma organização pela luta dos judeus, que entrevistou jovens entre 18 e 39 anos com o intuito de chegar às gerações Z e millennial.

Foram ouvidos 200 jovens em cada um dos 50 estados americanos, por telefone e online. A organização afirma que os entrevistados foram uma amostra representativa da participação demográfica dos jovens de cada estado.

Levado a cabo pelo governo nazista de Adolf Hitler na Alemanha e em países vizinhos, o Holocausto é considerado um dos maiores extermínios da história. Em 1945, momentos finais da Segunda Guerra Mundial, dois em cada três judeus vivendo na Europa haviam sido mortos pelos nazistas — muitos foram assassinados publicamente pelas ruas ou no anonimato de seus esconderijos, enquanto milhares padeceram nos campos de concentração espalhados pelo continente.

Na pesquisa com os jovens americanos, mesmo entre os que sabem sobre o Holocausto, há pouco conhecimento da dimensão da tragédia. Quase dois terços (63%) não sabia que 6 milhões de judeus foram mortos, e parte acreditava que o número de mortes era menor do que 2 milhões.

Ao todo, 48% não conseguiu nomear um campo de concentração que tenha existido no período. Foram mais de 40.000 campos de concentração.

Quando lhes foi apresentado o nome de algum dos campos diretamente, só 56% conseguiu identificar o campo de Auschwitz, talvez o campo de concentração mais famoso da tragédia humanitária.

Você já leu todo conteúdo gratuito deste mês.

Assine e tenha o melhor conteúdo do seu dia, talvez o único que você precise.

Já é assinante? Entre aqui.

Deseja assinar e ter acesso ilimitado?

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.