Mundo

Torre Eiffel é evacuada por quase duas horas após alarme falso de bomba

A evacuação incidiu sobre os três pisos do monumento, incluindo o restaurante da torre, bem como o átrio

Ameaça de bomba: a última evacuação da torre, também por duas horas, foi em setembro de 2020 (Reprodução/AFP)

Ameaça de bomba: a última evacuação da torre, também por duas horas, foi em setembro de 2020 (Reprodução/AFP)

Publicado em 12 de agosto de 2023 às 12h04.

Última atualização em 12 de agosto de 2023 às 12h04.

A Torre Eiffel, monumento turístico em Paris, na França, foi evacuada por quase duas horas após alarme falso de bomba, neste sábado, 12. A informação foi confirmada pela polícia francesa à Reuters. “Foi um alarme falso, as pessoas já podem voltar a entrar lá”, disse a polícia à agência de notícias.

A evacuação incidiu sobre os três pisos do monumento, incluindo o restaurante da torre, bem como o átrio, acrescentou este porta-voz. Um grande perímetro de segurança foi rapidamente estabelecido, o tráfego desviado e o monumento evacuado às 12h15, no horário local. 

Leia também: O que se sabe sobre o incêndio no Havaí? Mil pessoas estão desaparecidas

De acordo com o jornal francês Le Monde, a última ameaça de bomba que motivou a evacuação da Torre Eiffel, também por duas horas, foi em setembro de 2020, com base em uma ligação anônima para a polícia. No ano passado, o monumento mais emblemático de Paris recebeu mais de 5,8 milhões de visitantes.

Acompanhe tudo sobre:Paris (França)

Mais de Mundo

Biden ordena fornecimento de aparato de segurança para Kennedy Jr. reforço para o de Trump

Site de Trump usa imagem de seu rosto ensanguentado para arrecadar fundos após atentado

Bolívia anuncia descoberta de megacampo de gás natural

J.D. Vance: Campanha de Biden acusa vice de Trump de favorecer ricos e ser contra o aborto

Mais na Exame