Rússia invade Chernobyl, diz autoridade ucraniana

"Essa é uma das ameaças mais sérias à Europa hoje", acrescentou Podolyak
 (Gleb Garanich/Reuters)
(Gleb Garanich/Reuters)
R
Reuters

Publicado em 24/02/2022 às 15:07.

Última atualização em 25/02/2022 às 13:31.

A usina nuclear de Chernobyl foi capturada por forças russas, disse Mykhailo Podolyak, conselheiro do gabinete presidencial ucraniano, nesta quinta-feira.

"É impossível dizer que a usina nuclear de Chernobyl está segura após um ataque completamente sem sentido dos russos", disse ele.

"Essa é uma das ameaças mais sérias à Europa hoje", acrescentou Podolyak.

As tropas russas tomaram o controle da antiga usina enquanto forças ucranianas travavam uma batalha contra elas em três frentes na quinta-feira, após Moscou promover uma ofensiva por terra, mar e ar, no maior ataque a um país europeu desde a Segunda Guerra Mundial.

Algumas forças militares russas se organizaram na "zona de exclusão" de Chernobyl antes de atravessarem para dentro da Ucrânia na manhã de quinta-feira, afirmou uma fonte do setor de segurança da Rússia.

A Rússia quer o controle do reator nuclear de Chernobyl para sinalizar à Otan que não interfira militarmente, afirmou a mesma fonte.

O desastre de Chernobyl, na então Ucrânia soviética, enviou nuvens de material nuclear por grande parte da Europa em 1986 após um teste de segurança frustrado no quarto reator da usina atômica.