Recorde de mortes por covid na Alemanha pode levar a “mega-lockdown”

Chanceler Angela Merkel está estudando medidas mais rígidas, como o fechamento do transporte público nas cidades e de longa distância

A Alemanha registrou um novo número recorde de mortes por coronavírus na quinta-feira, levando a apelos por um lockdown ainda mais rígido depois que o país saiu relativamente ileso em 2020.

A chanceler Angela Merkel quer um “mega-lockdown”, informou o jornal Bild, fechando o país quase completamente por medo de uma variante de rápida disseminação do vírus detectada pela primeira vez no Reino Unido.

A pandemia mexeu com a economia e os negócios no mundo todo. Venha aprender com quem conhece na EXAME Research

Ela estava considerando medidas, incluindo o fechamento de transportes públicos locais e de longa distância, embora tais regras ainda não tenham sido decididas, segundo o Bild.

Embora o total de mortes per capita na Alemanha desde o início da pandemia permaneça muito menor do que nos Estados Unidos, sua mortalidade per capita diária desde meados de dezembro tem excedido frequentemente a dos EUA.

O número diário de mortes na Alemanha equivale atualmente a cerca de 15 mortes por milhão de pessoas, contra 13 mortes nos EUA por milhão.

O Instituto Robert Koch (RKI) relatou 25.164 novos casos de coronavírus e 1.244 mortes, elevando o número total de mortes na Alemanha desde o início da pandemia para 43.881.

A Alemanha inicialmente administrou a pandemia melhor do que seus vizinhos com um lockdown rígido, mas viu um aumento acentuado nos casos e mortes nos últimos meses, com o RKI dizendo que as pessoas não estavam levando o vírus suficientemente a sério.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.