Putin acusa Obama de hostilidade com Rússia

Presidente russo se refere ao discurso pronunciado recentemente por Obama na Assembleia Geral das Nações Unidas

O presidente russo, Vladimir Putin, acusou seu homólogo americano, Barack Obama, de ter uma atitude "hostil" em relação à Rússia, em entrevista ao jornal sérvio Politika publicada nesta quarta-feira pelo Kremlin.

Putin se refere ao discurso pronunciado recentemente por Obama na Assembleia Geral das Nações Unidas, no qual cita entre as principais ameaças mundiais o que chama de "agressão da Rússia na Europa", em referência à crise ucraniana.

Tais ataques se somam às sanções "aplicadas contra setores inteiros da nossa economia" pelos Estados Unidos e seus aliados ocidentais, o que torna "difícil qualificar esta atitude de outro modo que como hostil", declarou Putin.

O presidente russo exigiu que os Estados Unidos e seus aliados tenham em conta os interesses da Rússia no lugar de recorrer à pressão.

"Esperamos que nossos sócios compreendam o caráter imprudente das tentativas de chantagear a Rússia" e "lembrem o que a discórdia entre grande potências nucleares pode provocar na estabilidade estratégica do mundo".

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.