Presidente boliviano perde redutos-chave em eleição regional

MAS perdeu importantes redutos como La Paz e El Alto, até agora nichos eleitorais do presidente Evo Morales, mas conservou quatro de nove departamentos

La Paz - O presidente da Bolívia, Evo Morales, estimou que o "voto de punição à corrupção" provocou a derrota de seu partido em La Paz e El Alto, ao avaliar nesta segunda-feira o resultado preliminar das eleições regionais deste domingo.

"Lamento muito que em La Paz tenhamos perdido as eleições, (mas, devido a este resultado, dizer que) Evo Morales perdeu seu reduto, isso é falso", declarou o governante em uma coletiva de imprensa no presidencial Palacio Quemado.

O presidente estimou que as acusações de corrupção contra a candidata ao governo de La Paz do Movimento Al Socialismo (MAS), Felipa Hyanca, e o ex-prefeito de El Alto, Edgar Patana, tenham afetado suas chances.

"São acusações muito fortes no tema da corrupção e se é assim houve um voto de punição à corrupção", mas além disso "ainda existe machismo e também discriminação a uma mulher indígena, originária", sustentou.

O MAS perdeu importantes redutos como La Paz e El Alto, até agora nichos eleitorais do presidente Evo Morales, mas conservou quatro de nove departamentos, segundo pesquisas de boca de urna ao término das eleições regionais de domingo.

Em relação aos governadores, o MAS sofreu uma dura derrota no departamento de La Paz, onde o ex-ministro da Educação Félix Patzi, um indígena aymara dissidente do partido de Morales conquistou 52% dos votos, contra 29% da candidata governista Felipa Huanca, de acordo com uma pesquisa da empresa Ipsos divulgada pela imprensa.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.