A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Papa fará maior parte dos discursos nos EUA em espanhol

O pontífice argentino, de 78 anos, vem praticando inglês desde o meio do ano

Cidade do Vaticano - O papa Francisco só fará em inglês quatro dos 18 discursos programados para sua visita aos Estados Unidos este mês, e o restante será em seu espanhol nativo, informou o Vaticano nesta terça-feira.

O pontífice argentino, de 78 anos, vem praticando inglês desde o meio do ano, e se esperava que ele realizasse mais discursos e homilias em inglês. Mas seu porta-voz, o padre Federico Lombardi, disse a repórteres que Francisco se sente mais à vontade falando em espanhol.

Indagado se há algum simbolismo no fato de o papa ter decidido fazer tantos discursos em sua língua materna, a segunda mais usada nos EUA, Lombardi respondeu:

“Não creio que essa seja a intenção... ele se sente mais à vontade (com o espanhol). A verdadeira razão é a facilidade para se expressar, e ele ter que se esforçar menos.”

O papa usou o inglês em alguns de seus pronunciamentos durante uma viagem ao Sri Lanka e às Filipinas em janeiro, mas teve problemas com a pronúncia. Naquela viagem, ele falou de improviso em espanhol enquanto um assessor traduzia para o inglês.

Francisco viaja no próximo sábado para Cuba, onde passará quatro dias, antes de chegar a Washington dia 22.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também