Nicolás Maduro envia bênçãos ao bebê real da Inglaterra

O presidente enviou a saudação nos atos de celebração do 230º aniversário de nascimento de Simón Bolívar

Caracas – O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, enviou nesta quarta-feira suas bênçãos “ao herdeiro da coroa” do Reino Unido, George Alexandre Louis, primeiro filho dos duques de Cambridge, William e Kate.

“Mandamos nossas bênçãos, também a saudação do povo venezuelano, ao herdeiro da coroa do Reino Unido, da Grã-Bretanha, todos nossos parabéns e todo nosso amor a essa criança que nasceu”, disse Maduro durante um ato de governo no estado de Zulia.

O presidente enviou a saudação nos atos de celebração do 230º aniversário de nascimento de Simón Bolívar, dos 190 anos da Batalha Naval do Lago e Dia da Armada Nacional Bolivariana.

Maduro fez menção ao nascimento do príncipe George de Cambridge após discursar contra a imprensa de seu país por preferir noticiar sobre a nobreza britânica e não sobre os 230 anos do nascimento de Bolívar, chamado de “pai da pátria”.

Mais cedo, o presidente do Parlamento venezuelano, Diosdado Cabello, também se referiu à ausência do ícone hispânico na imprensa nacional e criticou que, por outro lado, as manchetes dos jornais falem dos duques de Cambridge.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

ATENÇÃO: Mudança na sua assinatura da revista EXAME. A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos apenas uma edição por mês. Saiba mais