Hollande pede que Bozizé inicie diálogo em conflito

Hollande pediu "a abertura de um diálogo entre as autoridades centro-africanas e todas as partes, em particular a rebelião"

Paris - O presidente francês, François Hollande, falou nesta segunda-feira por telefone com seu colega da República Centro-Africana, François Bozizé, a quem pediu a abertura de um diálogo com todas as partes "e em particular com os rebeldes".

Em comunicado emitido pelo Eliseu ao término da conversa, Hollande pediu "a abertura de um diálogo entre as autoridades centro-africanas e todas as partes, em particular a rebelião".

O Eliseu afirmou que o presidente francês, que já tinha falado com Bozizé sobre a "grave situação" que vive essa antiga colônia francesa, onde os rebeldes Seleka ocuparam boa parte do norte do país e ameaçam entrar na capital, Bangui, havia "convidado o presidente centro-africano a iniciar esse processo" o mais breve possível.

Hollande mostrou seu apoio "aos esforços de mediação" da União Africana e da Comunidade Econômica dos Estados do África Central para tentar conseguir "uma solução política".

Os rebeldes da Seleka exigem que Bozizé deixe o poder e disseram que irão tomar a cidade de Damara, último obstáculo antes da chegada a Bangui. 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.