Mundo

Beryl ganha força e volta a categoria de furacão antes de chegar ao Texas

Ventos atingem até 120km/h e já há alerta de tornados para Houston, furacão havia sido rebaixado para tempestade tropical

O furacão Beryl se dirigindo ao México em 4 de julho de 2024 (AFP/AFP)

O furacão Beryl se dirigindo ao México em 4 de julho de 2024 (AFP/AFP)

Agência o Globo
Agência o Globo

Agência de notícias

Publicado em 8 de julho de 2024 às 07h29.

Última atualização em 8 de julho de 2024 às 10h06.

Os ventos máximos provocados pelo Beryl aumentaram para cerca de 120km/h, transformando a tempestade tropical em um furacão de categoria 1, à medida que se aproxima do Texas, de acordo com o Centro Nacional de Furacões dos EUA (NHC, na sigla em inglês).

"Espera-se um fortalecimento adicional antes da chegada na costa do Texas", alertou o NHC.

Beryl, que arrasou partes de Granada na semana passada, antes de devastar a Jamaica, as Ilhas Cayman e o México, deve atingir os Estados Unidos na manhã desta segunda-feira.

Furacão Beryl quebra precedentes como novo extremo climático e acende alerta sobre o futuro

De acordo com a CNN, o Centro de Previsão de Tempestades já emitiu um alerta de tornado para uma área que cobre a cidade de Houston, a cidade mais populosa do Texas.

"Trovoadas nas faixas de chuva a leste representarão risco de tornados isolados até a manhã de segunda-feira", alertou o SPC.

O alerta de tornado está em vigor para mais de 7 milhões de pessoas.

Acompanhe tudo sobre:FuracõesTexasEstados Unidos (EUA)

Mais de Mundo

Em discurso a irmandade negra, Kamala pede ajuda para registrar eleitores e mobilizar base a votar

Grupo armado sequestra 13 pessoas perto da fronteira da Colômbia com a Venezuela

Diretor do FBI diz que autor do atentado contra Trump operou drone na área do comício

Disneylândia evita greve ao chegar a acordo provisório com sindicatos

Mais na Exame