Europa exige que EUA esclareçam acusações de espionagem

Parlamento Europeu exige imediato esclarecimento aos americanos sobre o tema mas, até o momento, rejeita suspender negociações com o país

Estrasburgo - O Parlamento Europeu exigiu nesta quinta-feira que os Estados Unidos "esclareçam imediatamente" as acusações de espionagem, em uma resolução aprovada por ampla maioria, mas rejeitou, até o momento, suspender as negociações do tratado comercial com o país, como pediram alguns eurodeputados.

Em uma resolução aprovada por 483 votos contra 93, o Parlamento "condenou energicamente a espionagem contra representações da União Europeia". Se a informação for confirmada, o tema "afetará as relações transatlânticas", advertiram os legisladores europeus.

Ao mesmo tempo, os presidentes de sete grupos políticos do Parlamento decidiram por unanimidade solicitar à Comissão de Liberdades Civis, Justiça e Assuntos de Interior para levar adiante uma "investigação profunda sobre o tema".

Na resolução, o PE "pede que as autoridades americanas esclareçam imediatamente a questão".

De qualquer forma, os eurodeputados do Partido dos Socialistas e Democratas Europeus não conseguiram convencer seus colegas a congelar ou suspender as negociações para um Tratado de Livre Comércio (TLC) com os Estados Unidos, cujo início está previsto para a próxima segunda-feira, em represália.

O escândalo foi desencadeado pelo ex-consultor da Agência Nacional de Segurança americana (NSA) Edward Snowden, que revelou informações secretas sobre um programa americano de espionagem das comunicações em nível mundial.

Snowden está bloqueado na zona de trânsito do aeroporto moscovita de Sheremetievo sem poder entrar em território russo devido à falta de documentação necessária.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.