Economia dos EUA cresceu menos que o esperado no terceiro trimestre

As novas estimativas se devem em grande parte a uma forte revisão para baixo do consumo das famílias

Washington - A economia dos Estados Unidos cresceu durante o terceiro trimestre 1,8%, dois décimos percentuais a menos do que no cálculo preliminar, informou nesta quinta-feira o Departamento de Comércio do país.

O ajuste de números refletiu, principalmente, o enfraquecimento da despesa dos consumidores, que nos Estados Unidos equivale a quase 70% do Produto Interno Bruto (PIB).

Por sua vez, o índice de preços de despesas de consumo pessoal, excluídos os de alimentos e energia, subiu neste período 2,1%, ao invés dos 2% informados anteriormente.

O governo dos Estados Unidos divulga três cálculos do PIB trimestral, e o de hoje é o definitivo para o período de julho a setembro. 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.