Mundo

Duas tempestades tropicais devem atingir o Japão

A tempestade tropical Mirinae deve se aproximar das áreas costeiras do Pacífico, no leste do país, entre tarde da noite deste sábado e domingo

Tóquio: população alertada contra perigo de tempestades (Philip Fong/Getty Images)

Tóquio: população alertada contra perigo de tempestades (Philip Fong/Getty Images)

Ivan Padilla

Ivan Padilla

Publicado em 7 de agosto de 2021 às 09h42.

Meteorologistas de Tóquio afirmam que duas tempestades tropicais estão se aproximando do Japão. Eles pediram que a população fique atenta em relação a chuvas intensas e ventos fortes.

A Agência de Meteorologia japonesa disse que a tempestade tropical Mirinae deve se aproximar das áreas costeiras do Pacífico, no leste do país, entre tarde da noite deste sábado (7) e domingo. Com a aproximação da tempestade, as precipitações poderão se intensificar nas regiões de Tokai e Kanto e no arquipélago de Izu a partir da noite de sábado.

Funcionários da agência preveem que outra tempestade tropical, Lupit, se aproxime da área de Kyushu na noite de domingo, podendo passar sobre a região. Eles pediram que a população continue se informando sobre as tempestades.

Na semana retrasada, os organizadores da Olimpíada de Tóquio já haviam antecipado a decisão das medalhas do surfe nos Jogos em um dia, causada pela aproximação da tempestade tropical Nepartak.

A tempestade era esperada na costa nordeste do Japão, dias após o início da Olimpíada.

As baterias que valiam medalha no surfe, que faz sua estreia em uma Olimpíada em Tóquio, seriam realizadas na quarta-feira 28 de julho, mas a expectativa era que a Nepartak se abateria sobre o Japão até lá impactando as ondas, o que levou os organizadores a antecipa-las em um dia.

Fique por dentro das principais tendências das empresas ESG. Assine a EXAME

Acompanhe tudo sobre:JapãoOlimpíada 2021SurfeTóquio

Mais de Mundo

Kamala e democratas aceleram estratégia de atacar Trump em comício em Milwaukee

Líderes do Senado e da Câmara dos EUA endossam candidatura de Kamala Harris

Wegovy da Novo Nordisk é aprovado no Reino Unido para prevenção cardiovascular

Eleições EUA: Kamala tem 44% das intenções de voto e Trump, 42%, diz pesquisa Reuters/Ipsos

Mais na Exame