China anuncia erradicação da extrema pobreza no país

Autoridades descreveram acontecimento como a conquista da meta política de longa data de Xi Jinping de eliminar a pobreza extrema até o final deste ano

A China removeu os últimos condados remanescentes de uma lista de regiões pobres, no que as autoridades descreveram como a conquista da meta política de longa data do presidente Xi Jinping de eliminar a pobreza extrema até o final deste ano.

O marco foi alcançado pela retirada de 93 milhões de pessoas da pobreza desde 2013, disse o governo da China. O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores, Zhao Lijian, disse em uma coletiva de imprensa nesta terça-feira que a China está preparada para compartilhar sua experiência com outros países em desenvolvimento.

A China estabelece seu próprio padrão nacional de pobreza extrema, com base em uma renda per capita de 4.000 iuanes por ano — ou cerca de 1,52 dólar por dia — e outros fatores, como acesso a cuidados básicos de saúde e educação. Isso se compara ao padrão de 1,90 dólar por dia estabelecido pelo Banco Mundial para medir a pobreza extrema em todo o mundo.

Na tarde de segunda-feira, autoridades de uma das províncias mais pobres da China, Guizhou, anunciaram que os últimos nove condados restantes foram removidos da lista de regiões pobres do país. A lista, elaborada em 2014, identificou inicialmente 832 como extremamente pobres.

Guizhou disse que a renda média anual per capita nos condados aumentou para 11.487 iuanes. A mídia estatal disse que auditores terceirizados visitaram os nove condados para conduzir pesquisas finais neste mês.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 1,90

Nos três primeiros meses,
após este período: R$ 15,90

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.