Boris Johnson celebra a 'gente de ferro' após viagem à Ucrânia

Primeiro-ministro britânico também apresentou suas condolências aos ferroviários, vítimas de um míssil disparado na sexta-feira contra uma estação de trem no leste da Ucrânia
 (Agence France-Presse/AFP)
(Agence France-Presse/AFP)
A
AFPPublicado em 10/04/2022 às 09:23.

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, disse, em vídeo divulgado neste domingo (10), um dia depois de sua visita surpresa a Kiev, ter viajado de trem da Polônia à capital ucraniana, e prestou homenagem à "gente de ferro".

Assine a EXAME e fique por dentro das principais notícias que afetam o seu bolso. Tudo por menos de R$ 0,37/dia.

"Bom dia, sou Boris Johnson, primeiro-ministro do Reino Unido, viajo a bordo de um trem fantástico da companhia ferroviária ucraniana da Polônia a Kiev", anuncia no vídeo, no qual aparece de pé a bordo de uma composição, vestindo camisa branca e suéter azul marinho.

"Aqui dizem 'gente de ferro'. É em relação à sua profissão, mas também reflete sua mentalidade, uma verdadeira mentalidade que os ucranianos demonstram ao resistirem à horrível agressão russa", prosseguiu Johnson.

Ele também apresentou suas condolências aos ferroviários, vítimas de um míssil disparado na sexta-feira contra uma estação de trem em Kramatorsk, no leste da Ucrânia, que deixou 52 mortos, entre eles cinco crianças, que tentavam fugir do conflito.

Boris Johnson fez uma visita inesperada a Kiev no sábado, na qual prometeu novas armas à Ucrânia.
Esta visita não foi anunciada publicamente por nenhuma das duas partes. Foi a primeira vez desde o início da invasão russa que um dirigente do G7 viaja à Ucrânia.