Acidente em mina mata pelo menos 22 pessoas na RDC

Um túnel desabou por conta das fortes chuvas que castigam nos últimos dias a cidade de Rubaye, onde estava situada a mina

Kinshasa – Pelo menos 22 pessoas morreram nesta sexta-feira em consequência da queda do túnel de saída da mina na qual trabalhavam no leste da República Democrática do Congo (RDC), informou o ministro de Informação congolês e porta-voz governamental, Lambert Mende.

O túnel desabou por conta das fortes chuvas que castigam nos últimos dias a cidade de Rubaye, onde estava situada a mina, acrescentou a fonte.

Mende assegurou que as vítimas eram jovens que trabalhavam na mina e se encontravam a mais de 30 metros abaixo da terra quando aconteceu o acidente.

Por sua parte, o governador de Kivu do Norte, Julien Paluka, lamentou o acidente e assinalou que seu governo arcará com as despesas dos funerais das vítimas, da mesma forma que pagará as despesas de hospitalização dos feridos.

Paluka assinalou que as equipes de resgate seguem trabalhando na mina, mas admitiu que as possibilidades de encontrar sobreviventes é mínima. 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.