100 morrem em naufrágio na Índia, diz agência

Acidente aconteceu por volta das 16h locais (6h30 de Brasília) no distrito de Dhubri, em uma área remota e sem comunicação

Nova Délhi - Pelo menos 100 pessoas morreram e outras 100 estão desaparecidas devido a um naufrágio ocorrido nesta segunda-feira em um rio no estado de Assam, nordeste da Índia, informou a agência local ''PTI''.

O vice-chefe da administração local, Kumud Chandra Kalita, disse à agência que o acidente aconteceu por volta das 16h locais (6h30 de Brasília) no distrito de Dhubri, em uma área remota e sem comunicação. A embarcação, com cerca de 300 passageiros, navegava pelo rio Brahmaputra e afundou em maio a um forte temporal. Ainda segundo Kalita, 25 pessoas conseguiram se salvar nadando até a margem.

Contingentes da polícia e de um corpo paramilitar do exército foram à região para participar dos trabalhos de resgate. As vítimas estão sendo levadas a um hospital do estado.

O primeiro-ministro da Índia, Manmohan Singh, expressou seu pesar pela tragédia através de um comunicado oficial e pediu que seja dada ''toda a assistência possível'' às autoridades de Assam para a operação de resgate.

O nordeste da Índia, que engloba uma série de pequenos estados com grande diversidade étnica e linguística, fica próximo a Bangladesh, Butão e Mianmar, e só está ligado ao resto do país por uma pequena faixa de terra. O Brahmaputra nasce no Tibete e corta totalmente o estado de Assam antes de desembocar no enorme delta do Ganges, em Bangladesh.

Os acidentes de navegação são relativamente frequentes nesta parte da Índia, repleta de rios, afluentes e lagoas, frequentemente devido ao estado precário das embarcações e ao fato de grande parte delas ultrapassarem o limite permitido de passageiros. Em março deste ano, pelo menos 142 pessoas morreram em um naufrágio similar em Bangladesh. 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.