Acompanhe:

Quanto renderá o prêmio da Mega da Virada

Simulação entre investimentos conservadores mostra que até a poupança, que tem o rendimento mais baixo, poderá garantir ao vencedor quase R$ 1 milhão ao mês em juros

 (Divulgação)

(Divulgação)

L
Lilian Sobral

31 de dezembro de 2011, 07h29

São Paulo – O sorteio da Mega da Virada acontece nesta noite. Se ninguém acertar as seis dezenas, as regras estabelecem que o prêmio será dividido entre quem marcar cinco números corretos. Nesse caso, é muito provável que a bolada seja dividida entre um grande número de pessoas. Mas se apenas um apostador antever as seis dezenas sorteadas, poderá ganhar sozinho um prêmio superior a 170 milhões de reais, segundo estimativas da Caixa Econômica Federal.

Se o vencedor conseguisse controlar os impulsos de consumo e, ao invés de comprar uma série de regalias, aplicasse o dinheiro, ele poderia obter bons lucros mensais com baixo risco.

Humberto Veiga, autor do e-book “O Essencial sobre Tesouro Direto”, preparou para EXAME.com uma simulação de rendimentos em diferentes tipos de investimentos considerados mais conservadores. “A maior dificuldade para o ganhador da Mega da Virada será administrar o risco de crédito”, alerta. A dica é não se empolgar com uma única aplicação, mesmo que ela seja considerada conservadora, e diversificar.

Para a simulação, foi considerada a aplicação total do prêmio de 170 milhões de reais. Como algumas taxas não podem ser previstas, Veiga considerou as projeções copiladas pelo Banco Central e divulgadas no Boletim Focus pesquisado até o dia 23 de dezembro - o mais recente do ano.

Para a poupança, por exemplo, Veiga utilizou uma taxa de remuneração mensal de 0,57% ao mês, com base nas projeções de mercado do Focus. O investimento, um dos mais conservadores, garantiria um rendimento líquido de 935.000 reais por mês.

Confira a simulação feita para quatro tipos de investimentos:

1. Poupança

O menor rendimento de todos seria obtido na poupança. Uma das principais vantagens da aplicação é a ausência de carência para resgates e a isenção de imposto de renda. Por outro lado, em caso de quebra do banco onde o dinheiro está depositado, o investidor só tem a garantia de que receberá de volta 70.000 reais. “Nunca é aconselhável investir mais do que 50.000 ou 60.000 reais em poupança, dependendo do tempo que se pretende manter o investimento”, afirma Veiga. Outra recomendação é investir em bancos maiores, considerados mais seguros.

Confira a simulação dos 170 milhões de reais aplicados na poupança:

table.tableizer-table {border: 1px solid #CCC; font-family: Arial, Helvetica, sans-serif; font-size: 12px;} .tableizer-table td {padding: 4px; margin: 3px; border: 1px solid #ccc;}
.tableizer-table th {background-color: #104E8B; color: #FFF; font-weight: bold;}

  Taxa mensal% Taxa Anual Rendimento mensal (isento de IR)%
Poupança 0,5500 6,8034 R$ 935.000,00

2. CDBs

EXAME.com já mostrou como é possível conseguir 100% do CDI aplicando em CDBs de bancos grandes. Um levantamento entre seis instituições financeiras mostrou que três delas oferecem o produto para quem aplica menos de 500.000 reais. Obter o rendimento alto, porém, não é tarefa fácil. Mas, seja em bancos grandes, médios ou pequenos, quem tem 170 milhões de reais no bolso tem também um ótimo poder de barganha.

No caso dessa aplicação, a sugestão de Veiga é negociar com o banco para conseguir a maior remuneração possível num CDB, sendo que obter os 100% do CDI não pode ser missão impossível. Também é importante lembrar que, para quem abre mão de liquidez, o imposto de renda cobrado fica menor. Quanto mais tempo fica aplicado o dinheiro, menor é a alíquota.

Confira a seguir uma simulação com papéis que remuneram em 100%, 105% e 110% do DI (já descontado o IR):

table.tableizer-table {border: 1px solid #CCC; font-family: Arial, Helvetica, sans-serif; font-size: 12px;} .tableizer-table td {padding: 4px; margin: 3px; border: 1px solid #ccc;}
.tableizer-table th {background-color: #104E8B; color: #FFF; font-weight: bold;}

  Taxa mensal% Taxa Anual%
Com 100% do DI 0,7737% 9,6900%

table.tableizer-table {border: 1px solid #CCC; font-family: Arial, Helvetica, sans-serif; font-size: 12px;} .tableizer-table td {padding: 4px; margin: 3px; border: 1px solid #ccc;}
.tableizer-table th {background-color: #104E8B; color: #FFF; font-weight: bold;}

Saques até 180 dias Saques entre 181 e 360 dias Saques entre 361 e 720 dias Saques a partir do 721º dia
R$ 1.019.364,63 R$ 1.052.247,36 R$ 1.085.130,09 R$ 1.118.012,82

table.tableizer-table {border: 1px solid #CCC; font-family: Arial, Helvetica, sans-serif; font-size: 12px;} .tableizer-table td {padding: 4px; margin: 3px; border: 1px solid #ccc;}
.tableizer-table th {background-color: #104E8B; color: #FFF; font-weight: bold;}

  Taxa mensal% Taxa Anual%
Com 105% do DI 0,8107 10,1745

table.tableizer-table {border: 1px solid #CCC; font-family: Arial, Helvetica, sans-serif; font-size: 12px;} .tableizer-table td {padding: 4px; margin: 3px; border: 1px solid #ccc;}
.tableizer-table th {background-color: #104E8B; color: #FFF; font-weight: bold;}

Saques até 180 dias Saques entre 181 e 360 dias Saques entre 361 e 720 dias Saques a partir do 721º dia
R$ 1.068.136,09 R$ 1.102.592,09 R$ 1.137.048,09 R$ 1.171.504,09

table.tableizer-table {border: 1px solid #CCC; font-family: Arial, Helvetica, sans-serif; font-size: 12px;} .tableizer-table td {padding: 4px; margin: 3px; border: 1px solid #ccc;}
.tableizer-table th {background-color: #104E8B; color: #FFF; font-weight: bold;}

  Taxa mensal% Taxa Anual%
Com 110% do DI 0,8476 10,6590

table.tableizer-table {border: 1px solid #CCC; font-family: Arial, Helvetica, sans-serif; font-size: 12px;} .tableizer-table td {padding: 4px; margin: 3px; border: 1px solid #ccc;}
.tableizer-table th {background-color: #104E8B; color: #FFF; font-weight: bold;}

Saques até 180 dias Saques entre 181 e 360 dias Saques entre 361 e 720 dias Saques a partir do 721º dia
R$ 1.116.711,34 R$ 1.152.734,28 R$ 1.188.757,23 R$ 1.224.780,18

3. Títulos privados

Outra simulação foi feita com títulos privados como Letra Hipotecária ou Letra de Crédito Imobiliário, por exemplo. Esses investimentos são muito parecidos com os CDBs, com a vantagem da isenção do imposto.

Confira a simulação com títulos que pagam 90%, 95% e 100% do DI:

table.tableizer-table {border: 1px solid #CCC; font-family: Arial, Helvetica, sans-serif; font-size: 12px;} .tableizer-table td {padding: 4px; margin: 3px; border: 1px solid #ccc;}
.tableizer-table th {background-color: #104E8B; color: #FFF; font-weight: bold;}

  Taxa mensal% Taxa Anual% Rendimento mensal
90% do DI 0,6992 8,7210 R$ 1.188.679,23
95% do DI 0,7365 9,2055 R$ 1.252.122,96
100% do DI 0,7737 9,6900 R$ 1.315.309,20

4. Títulos públicos

Na aplicação em títulos públicos, Veiga destaca que o Tesouro Direto limita as compras a 400.000 por mês. Para aplicar os 170 milhões de reais, o investidor deveria abrir um fundo exclusivo e fazer as aplicações por meio desse veículo.
Supondo que não houvesse esse limite, Veiga fez uma simulação de aplicações em LTN e LFT considerando os custos da CBLC (0,10% na entrada e mais 0,3% ao ano, cobrada até o montante de 1,5 milhão de reais). Veiga ressalta que, no caso da LTN, que é pré-fixada, há o risco das taxas de juros subirem.

Confira a simulação dos rendimentos mensais (já descontado o IR):

table.tableizer-table {border: 1px solid #CCC; font-family: Arial, Helvetica, sans-serif; font-size: 12px;} .tableizer-table td {padding: 4px; margin: 3px; border: 1px solid #ccc;}
.tableizer-table th {background-color: #104E8B; color: #FFF; font-weight: bold;}

  Taxa mensal% Taxa Anual%
LFT 0,7737 9,6900

table.tableizer-table {border: 1px solid #CCC; font-family: Arial, Helvetica, sans-serif; font-size: 12px;} .tableizer-table td {padding: 4px; margin: 3px; border: 1px solid #ccc;}
.tableizer-table th {background-color: #104E8B; color: #FFF; font-weight: bold;}

Saques até 180 dias Saques entre 181 e 360 dias Saques entre 361 e 720 dias
R$ 1.018.989,63 R$ 1.051.872,36 R$ 1.084.755,09

table.tableizer-table {border: 1px solid #CCC; font-family: Arial, Helvetica, sans-serif; font-size: 12px;} .tableizer-table td {padding: 4px; margin: 3px; border: 1px solid #ccc;}
.tableizer-table th {background-color: #104E8B; color: #FFF; font-weight: bold;}

  Taxa mensal% Taxa Anual%
LTN 0,8689 10,9400

table.tableizer-table {border: 1px solid #CCC; font-family: Arial, Helvetica, sans-serif; font-size: 12px;} .tableizer-table td {padding: 4px; margin: 3px; border: 1px solid #ccc;}
.tableizer-table th {background-color: #104E8B; color: #FFF; font-weight: bold;}

Saques até 180 dias Saques entre 181 e 360 dias Saques entre 361 e 720 dias Saques a partir do 721º dia
R$ 1.144.419,73 R$ 1.181.348,59 R$ 1.218.277,46 R$ 1.255.206,32