• BVSP 117.669,90 -0,5%
  • USD 5,6926 +0,0000
  • EUR 6,7616 +0,0000
  • ABEV3 15,43 -0,13%
  • BBAS3 29,27 +0,55%
  • BBDC4 25,25 +0,04%
  • BRFS3 23,91 -1,97%
  • BRKM3 43,57 -0,98%
  • BRML3 9,95 +1,95%
  • BTOW3 62,7 -0,85%
  • CSAN3 89,25 -0,45%
  • ELET3 35,45 -1,50%
  • EMBR3 16,02 -0,37%
  • Petróleo 59,31 +0,00%
  • Ouro 1.755,30 +0,00%
  • Prata 25,36 +0,00%
  • Platina 1.209,30 +0,00%

Perspectivas positivas sustentam Bolsas da Europa

Londres - As bolsas europeias mudaram de humor e operavam em alta forte na manhã de hoje. A elevação é sustentada pela perspectiva de criação de um bônus único europeu e pelas declarações de um porta-voz francês de que o país fará o necessário para evitar o default da Grécia. A possibilidade de a China comprar bônus de países da periferia da Europa também dá gás aos preços das ações.

Às 8h18 (horário de Brasília), a Bolsa de Londres subia 1,58% e a Bolsa de Frankfurt operava em alta de 2,24%; a Bolsa de Paris registrava ganho de 1,68%. Em Milão, a bolsa subia 2,04%; em Madri, avançava 2,44%.

O presidente da Comissão Europeia, José Manuel Barroso, disse que a comissão irá apresentar em breve opções para a introdução de um bônus único europeu para a zona do euro.

Já o vice-diretor da Comissão Nacional para o Desenvolvimento e Reforma da China, Zhang Xiaoqiang, disse que a "China deseja ajudar os países atingidos pela crise de dívida soberana com a compra de alguns de seus bônus".

Ontem, o primeiro-ministro da China, Wen Jiabao, declarou ser preciso assegurar que a crise da dívida soberana da Europa não se alastre e afirmou que a China está disposta a expandir seus investimentos na zona do euro. Mas ressalvou que os líderes da União Europeia precisariam dar o "passo audacioso" de reconhecer a China como uma economia de mercado. As informações são da Dow Jones.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.