Azul confirma IPO, com registro de oferta no país e EUA

Mais cedo, fonte com conhecimento do assunto disse que a Azul tinha protocolado o pedido junto à CVM e que a operação ocorreria simultaneamente nos EUA

São Paulo - A Azul Linhas Aéreas Brasileiras confirmou hoje que apresentou nesta segunda-feira, 01, os pedidos de registro de companhia aberta e de oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e no órgão correlato nos Estados Unidos, a Securities Exchange Commission (SEC).

Por meio de nota encaminhada à reportagem, a companhia afirmou que não se manifestará, "pois está em período de silêncio determinado pela lei brasileira, devido à apresentação, na data de hoje, dos pedidos de registro de companhia aberta e de oferta pública de distribuição de ações".

Mais cedo, fonte com conhecimento do assunto disse à reportagem que a Azul tinha protocolado o pedido junto à CVM e que a operação ocorreria simultaneamente nos Estados Unidos.

No início deste ano, a Azul chegou a fazer seu pedido de registro de companhia aberta na autarquia, mas acabou retirando-o, alegando condições desfavoráveis do mercado.

A companhia fez o pedido depois de receber o aval da CVM em relação à estrutura da ação superpreferencial.

Em 2013, a autarquia havia indeferido o registro de companhia aberta da Azul, sendo que o ponto mais polêmico referia-se exatamente à emissão de ações "super preferenciais".

A oferta de ações da Azul é estimada pelo mercado em R$ 1 bilhão.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 1,90

Nos três primeiros meses,
após este período: R$ 15,90

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.