Criptomoedas: quais são os principais riscos de investir nelas?

Todos os investimentos, sejam eles da renda fixa, sejam da renda variável, possuem um determinado grau de risco. Saiba agora os riscos de investir em criptos
 (Getty/Getty Images)
(Getty/Getty Images)
D
Da Redação

Publicado em 09/08/2022 às 18:00.

Última atualização em 09/08/2022 às 19:04.

Quando falamos em investir em criptomoedas, a primeira coisa que precisa ser considerada são os riscos

Afinal, todos os investimentos, sejam eles da renda fixa, sejam da renda variável, possuem um determinado grau de risco.

Outro ponto que deve ser levado em conta diz respeito ao perfil do investidor

Se você possui um perfil conservador, talvez as criptomoedas não sejam a melhor opção de investimento. Afinal, a volatilidade nas criptos costuma ser bem alta. E quanto maior a volatilidade maior o risco envolvido na operação.

É muito importante que o investidor esteja atento a estes detalhes. Pensando nisso, veja a seguir quais são os principais riscos relacionados a investir em moedas digitais.

Quais são os riscos de investir em criptomoedas?

Quando falamos em criptomoedas, ou moedas digitais descentralizadas, é importante ressaltar que existem alguns riscos, como:

  • Falta de regulamentação de uma entidade ou órgão superior. Neste caso,  você não tem a quem recorrer caso seu dinheiro seja roubado, por exemplo.
  • Extrema volatilidade. Isso significa que você pode tanto ter uma alta possibilidade de retorno, quanto fortes prejuízos sobre o valor investido;
  • Negociações de determinadas criptomoedas são proibidas em alguns países. É o caso do Bitcoin na China, por exemplo.
  • Pirâmides financeiras. Infelizmente, existem golpes de pirâmides financeiras que utilizam criptomoedas como argumento para ganhar dinheiro rápido e fácil.

Como você pode ver, os riscos são diversos neste ambiente. Por conta disso, é importante que o investidor esteja sempre atento aos principais detalhes na hora de investir. 

Além disso, o estudo é algo importante antes de realizar qualquer investimento e você deve levar em conta se está disposto a correr este risco ou não.

O que é perfil de investidor?

O perfil de investidor é conhecido entre as corretoras como “suitability'', esta é uma análise realizada por meio de um questionário respondido pelo investidor. 

Desse modo, é uma série de questões onde ao final é possível identificar qual é o seu nível de tolerância ao risco. Ou seja, se você possui um perfil conservador, moderado ou arrojado. 

Por meio deste resultado, é possível identificar quais são as opções de investimentos mais adequadas para o seu perfil.

Saiba qual é o seu perfil investidor

As criptomoedas são investimentos de renda variável, ou seja, uma hora você pode ter altos lucros, enquanto em outro momento você pode perder tudo que investiu. 

Sendo assim, é extremamente importante que você saiba qual é o seu perfil investidor. Esta é uma avaliação feita no intuito de identificar se você é mais arrojado nos investimentos. Ou seja, se está disposto a ter grandes perdas e também altos lucros. 

Em outros casos, você pode ter um perfil conservador, em que busca ter poucos riscos e consequentemente poucos ganhos.

Todos estes fatores devem ser levados em conta no momento de começar a investir em criptomoedas ou em qualquer outro tipo de investimento. Afinal, qualquer aplicação envolve riscos e o investidor deve estar ciente sobre estes riscos.

Confira outros conteúdos como esse em nosso Guia de Investimentos, como:

O que são criptoativos?
O que é Ibovespa?
Investir em fundos imobiliários é seguro?