Future of Money
Acompanhe:

Vídeo deletado deixa escapar que Uniswap estaria em contato com PayPal

Em conferência em Paris, Uniswap deixa escapar possíveis ligações com Paypal, E*Trade e Stripe; vídeo foi deletado e empresas se recusam a comentar

 (metamorworks/Getty Images)

(metamorworks/Getty Images)

C
Coindesk

29 de julho de 2021, 15h45

A Uniswap é a maior corretora descentralizada da rede Ethereum em volume, e está procurando expandir suas atividades para a área de crédito pessoal – ao menos de acordo com um vídeo da conferência EthCC em Paris na semana passada, que foi deletado do YouTube.

Em uma conversa no evento, Ashleigh Schap, representante da área de crescimento da Uniswap, disse que o time por trás do protocolo de negociações está em contato com fintechs conhecidas por trazer as finanças descentralizadas (DeFi) para o mainstream. O vídeo ainda está disponível no IPFS.

“Estamos tentando colocar a Uniswap e o resto das finanças descentralizadas (DeFi) nesses aplicativos para que possamos realizar o sonho de ter uma liquidez aberta e 100% funcional para todo o mundo”, disse Schap. “O PayPal quer conversar com a gente, a E*Trade quer conversar com a gente, A Stripe quer conversar com a gente”. Nenhum dos citados respondeu aos pedidos da Coindesk para comentar o caso, incluindo a Uniswap.

Depois que a notícia veio à tona, o fundador da Uniswap Labs Hayden Adams publicou no Twitter que não realizou parcerias com as empresas citadas na conversa. Ele afirma que o vídeo foi deletado à pedidos da Uniswap porque “Nós pensamos que isso poderia ser interpretado de uma forma que sugerisse que temos relações que na verdade não temos”.

De acordo com a apresentação de Schap, a Uniswap está procurando construir parcerias entre produtos de crédito pessoal e DeFi utilizando empresas intermediárias como a Fireblocks, Paxos e Talos. É válido notar que a Paxos construiu a plataforma que sustenta o serviço de criptomoedas da PayPal.

As parcerias poderiam permitir que protocolos DeFi se entrelacem com as ofertas existentes das fintechs, em uma aposta para proporcionar maior variedade de ativos, liquidação instantânea de operações e acessibilidade a qualquer hora.

“Nós estamos conversando com todo mundo sobre potenciais ideias, mas ainda não temos nada concreto ou específico”, disse uma fonte que está familiarizada com as conversas sob condição de anonimato. A Paxos e a Fireblocks se recusaram a comentar.

As finanças tradicionais (TradFi) se encontram com as descentralizadas (DeFi)?

Criar mercados de alta liquidez é uma tarefa difícil para as corretoras tradicionais que dependem de relações custosas e complexas com os operadores de mercado. A Uniswap é conhecida no linguajar dos criptoativos como uma operadora automática de mercado, ou código em uma blockchain que torna possível que os traders troquem ativos de diversas pools de liquidez.

O crescimento do ano passado no mercado de criptoativos mostrou às fintechs que existe demanda dos consumidores por criptomoedas e produtos que a DeFi tornou amplamente disponíveis, disse Schap em sua apresentação na EthCC.

Ela ainda adicionou que argumentar em favor da Uniswap não é tão difícil de convencer como era anos atrás e que empresas como o Paypal e a Stripe estão se tornando menos resistentes ao que as finanças descentralizadas (DeFi) tem a oferecer.

“Permanecer relevante à base de usuários deles é uma razão muito forte para que todos esses gigantes estejam começando a considerar mais a possibilidade de trabalhar com algo como a Uniswap”, disse Schap antes de mencionar conversa com a Robinhood.

As finanças tradicionais, entretanto, ainda têm suas preocupações com a tecnologia blockchain e a finalidade das transações na rede, disse Schap em Paris. Ela disse que a estratégia atual da Uniswap é identificar as necessidades de grandes instituições financeiras quando se trata de conhecer seu cliente e quaisquer medos associados à transações diretamente em blockchain.

Texto traduzido e republicado com autorização da Coindesk

Últimas Notícias

ver mais
Criptomoedas disparando: é hora de investir?
seloFuture of Money

Criptomoedas disparando: é hora de investir?

Há menos de um minuto • 1 min de leitura
Opinião: dados pessoais são armas perigosas nas mãos de criminosos
Future of Money

Opinião: dados pessoais são armas perigosas nas mãos de criminosos

Há menos de um minuto • 1 min de leitura
Adesão ao bitcoin e ao ether cresceu apesar de inverno cripto, aponta estudo
Future of Money

Adesão ao bitcoin e ao ether cresceu apesar de inverno cripto, aponta estudo

Há menos de um minuto • 1 min de leitura
Favela carioca recebe a 1ª TechHouse da Polygon para capacitar jovens na Web3
Future of Money

Favela carioca recebe a 1ª TechHouse da Polygon para capacitar jovens na Web3

Há menos de um minuto • 1 min de leitura
icon

Brands

ver mais

Uma palavra dos nossos parceiros

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

leia mais