• AALR3 R$ 20,20 -0.49
  • AAPL34 R$ 66,78 -0.79
  • ABCB4 R$ 16,69 -3.75
  • ABEV3 R$ 14,02 -0.85
  • AERI3 R$ 3,64 -1.62
  • AESB3 R$ 10,70 0.00
  • AGRO3 R$ 30,74 -0.32
  • ALPA4 R$ 20,46 -1.35
  • ALSO3 R$ 19,01 -0.47
  • ALUP11 R$ 26,80 0.75
  • AMAR3 R$ 2,41 -1.23
  • AMBP3 R$ 30,05 -1.60
  • AMER3 R$ 23,47 1.65
  • AMZO34 R$ 66,64 -0.42
  • ANIM3 R$ 5,45 -1.09
  • ARZZ3 R$ 81,36 0.20
  • ASAI3 R$ 15,96 3.30
  • AZUL4 R$ 21,10 -0.66
  • B3SA3 R$ 12,04 1.95
  • BBAS3 R$ 37,00 3.64
  • AALR3 R$ 20,20 -0.49
  • AAPL34 R$ 66,78 -0.79
  • ABCB4 R$ 16,69 -3.75
  • ABEV3 R$ 14,02 -0.85
  • AERI3 R$ 3,64 -1.62
  • AESB3 R$ 10,70 0.00
  • AGRO3 R$ 30,74 -0.32
  • ALPA4 R$ 20,46 -1.35
  • ALSO3 R$ 19,01 -0.47
  • ALUP11 R$ 26,80 0.75
  • AMAR3 R$ 2,41 -1.23
  • AMBP3 R$ 30,05 -1.60
  • AMER3 R$ 23,47 1.65
  • AMZO34 R$ 66,64 -0.42
  • ANIM3 R$ 5,45 -1.09
  • ARZZ3 R$ 81,36 0.20
  • ASAI3 R$ 15,96 3.30
  • AZUL4 R$ 21,10 -0.66
  • B3SA3 R$ 12,04 1.95
  • BBAS3 R$ 37,00 3.64
Abra sua conta no BTG

Tradings de commodities agrícolas dos EUA apostam no diesel verde

As maiores tradings de commodities agrícolas do mundo se preparam para lucrar com o boom do setor de diesel renovável nos Estados Unidos
Plantação de soja: as maiores tradings de commodities agrícolas do mundo se preparam para lucrar com o boom do setor de diesel renovável nos Estados Unidos (Reuters/José Roberto Gomes)
Plantação de soja: as maiores tradings de commodities agrícolas do mundo se preparam para lucrar com o boom do setor de diesel renovável nos Estados Unidos (Reuters/José Roberto Gomes)
Por Isis Almeida, da BloombergPublicado em 30/03/2021 15:55 | Última atualização em 13/04/2021 15:29Tempo de Leitura: 2 min de leitura

As maiores tradings de commodities agrícolas do mundo se preparam para lucrar com o boom do setor de diesel renovável nos Estados Unidos.

Com a agenda verde do presidente dos EUA, Joe Biden, a Cargill decidiu investir US$ 475 milhões para aumentar a capacidade de processamento de soja, essencial para a produção do óleo de cozinha usado no diesel renovável. As rivais Archer-Daniels-Midland e Bunge trabalham para tornar as usinas mais eficientes, e a Andersons planeja uma mesa para negociar matérias-primas para o combustível verde.

As tradings miram o crescimento do mercado quando refinarias americanas, como Phillips 66, Marathon Petroleum, HollyFrontier e Valero Energy, apostam na onda do diesel verde.

O diesel renovável é feito a partir de biomassa com as mesmas propriedades do combustível fóssil e deve se beneficiar da agenda climática do presidente Biden, que sinaliza redução do uso de combustíveis fósseis.

Embora muitas refinarias busquem produzi-lo a partir do óleo de cozinha descartado ou gorduras animais, precisarão recorrer aos óleos vegetais tradicionais de culturas como milho e soja para atender à demanda.

“Achamos que será um grande mercado”, disse Pat Bowe, CEO da Andersons. “É um fator de demanda realmente importante para o complexo de gorduras e óleos que não víamos há muito tempo.”

O aumento da demanda ocorre no momento em que restaurantes começam a reabrir nos EUA, aumentando a demanda por óleo de cozinha.

O movimento nas estradas também se recupera para níveis pré-pandemia. Isso aumentou a concorrência com a indústria de alimentos, que usa os óleos em tudo, desde Nutella - que contém óleo de palma - até hambúrgueres à base de vegetais, muitos dos quais utilizam óleo de soja como ingrediente principal.

De 0 a 10 quanto você recomendaria Exame para um amigo ou parente?

 

Clicando em um dos números acima e finalizando sua avaliação você nos ajudará a melhorar ainda mais.