Trabalhadores italianos superam empresários em renda

Para empregados, média é de 20.680 euros, contra 20.469 de donos

Roma - Na Itália, o funcionário de uma empresa tem renda maior que o dono. Pelo menos é o que emerge dos dados apresentados nesta quinta-feira (14) pelo departamento de finanças do Ministério da Economia.

Segundo as informações divulgadas pela pasta, as pessoas que trabalham como empregadas em algum lugar declaram ter um rendimento médio de 20.680 euros.

Enquanto isso, para aqueles que se dizem empreendedores, a quantia é de 20.469 euros.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também